No ar:
Jornada Esportiva - Rede Gaúcha Sat    18h00min às 20h00min

Ouvir!     

» Geral » Economia


04/11/2019 | 13h54min

Santiago se destaca pelo grande número de agroindústrias

A mais antiga é o Frigorífico RM Sagrilo, criado em 1973 e a mais recente, o Nosso Mercado, criado em 2019

Foto: Ieda BeltrãoFoto: Ieda Beltrão

A cidade de Santiago se destaca pelo grande número de agroindústrias, em especial a agroindústria familiar./ Ao todo são 15 empresas formalizadas, fora as padarias, que produzem mel, linguiça, carne, erva mate, leite e derivados,  farináceos  e bolachas.

 

Na agricultura familiar, que envolve 24 famílias,  o número chega a 07, incluindo ainda a produção de vinhos, embutidos e queijo. Mais 12 estão em fase de formalização para a produção de ovos, mandioca e maristão.  Os dados foram divulgados pelo chefe da Emater de Santiago, Dairton Lewandowisk. 

 

Treze das agroindústrias empresariais estão localizadas na sede do município e duas na Vila Betânia, oito com inspeção através do SIM, três pelo CISPOA e três pelo Ministério da Saúde.

 

A mais antiga é o Frigorífico RM Sagrilo, criado em 1973 e a mais recente, o Nosso Mercado, criado em 2019. Das agroindústrias familiares rurais a mais antiga é o Apiário Padre Assis, criado em 1966 e a mais recente é a Queijaria Pavanelo, criada em 2018.

 

A agroindústria  é o ambiente físico equipado e preparado onde um conjunto de atividades relacionadas á transformação de matérias-primas provenientes da agricultura, pecuária ou silvicultura são realizadas de forma sistemática.


Veja também:


16/11/2019 | 12h15min

» Economia: Programa de aquisição de alimentos impacta positivamente em Santiago

16/11/2019 | 10h15min

» #énatal: Quando devemos começar a montar a árvore de Natal em 2019?

15/11/2019 | 10h45min

» Dança: Argentina, Paraguai, México, Uruguai e Brasil dão o ritmo do Latino Americano Em Dança


Comentários:


Voltar ao topo