No ar:

Ouvir!     

» Vida / Estilo » Saúde


12/08/2020 | 14h10min

Pular corda pode queimar até 800 calorias por hora

A atividade física acelera o metabolismo e provoca a perda de calorias, contribuindo para o emagrecimento saudável

Pular corda é tudo de bom. Foto: DivulgaçãoPular corda é tudo de bom. Foto: Divulgação

Para muitos, pular corda é tido como uma brincadeira que remete aos tempos de criança, porém a atividade é uma das mais eficientes para a perda de peso. Tido como um exercício de alta intensidade, alguns especialistas apontam que a queima pode chegar a cerca de 800 calorias por hora.

 

Os resultados podem variar de acordo o tempo praticado, a intensidade dos exercícios e o condicionamento físico da pessoa. “Além ajudar a perder peso e tornear músculos, pular corda fortalece o sistema cardiorrespiratório, aumentando a resistência física e a saúde do coração”, aponta a atleta e musa fitness Sue Lasmar.

 

Pular corda também é um dos exercícios mais democráticos, podendo ser praticado em qualquer lugar, sendo o único objeto necessário, a corda. “Elas podem ser desde as mais simples, até as feitas de materiais como silicone, náilon ou couro, vai da preferência de que pratica”, pontua Sue.

 

Confira alguns exercícios recomendado por Sue Lasmar para praticar em casa:

 

Exercício 1

 

Da maneira tradicional, com saltos curtos e pé unidos, realize 5 séries de 1 minuto cada, com intervalos de pelo menos dois minutos entre um e outro.

 

Exercício 2

 

Mantendo o mesmo movimento da corda, faça saltos para frente e para trás ao pular a corda. Faça 5 séries de 1 minuto.

 

Exercício 3

 

O movimento chamado “tesoura”, movimento de transpassar a corda em lados opostos, é um dos movimentos que exige um pouco mais de coordenação motora. Para esse exercício faça 5 séries de 30 segundos.

 


Veja também:


19/09/2020 | 07h14min

» #ficaadica: Conheça 10 frutas que vão ajudar você a emagrecer com saúde

17/09/2020 | 09h27min

» #ficaadica: Os benefícios da calêndula para sua saúde

16/09/2020 | 15h45min

» #fazbem: Sete alimentos que combatem a ansiedade


Comentários:


Voltar ao topo