No ar:
Rede Gaúcha Sat -    23h01min às 23h59min

Ouvir!     

» Geral » Saúde


12/04/2024 | 15h48min

Voluntário para o Centro de Valorização da Vida é de suma importância para a expansão da instituição

Jader Santos que integra o CVV disse que “as portas estão abertas para todos”

Jader Santos (de branco) e o voluntário Nilson, nos estúdios da Rádio Santiago. Foto: Ieda BeltrãoJader Santos (de branco) e o voluntário Nilson, nos estúdios da Rádio Santiago. Foto: Ieda Beltrão

O voluntário para o Centro de Valorização da Vida – CVV é de suma importância para a expansão da instituição. Jader Santos que integra o CVV disse que “as portas estão abertas para todos”. Com o tempo as pessoas vão experimentando o que é atendimento, umas seguem e outras acabam desistindo. Afirma que o papel do voluntário,  na pessoa que procura ajuda é fundamental. Duas vezes ao ano é feita capacitação para novos voluntários.

 

Apesar de pertencer à Uruguaiana, Jader coloca que o CVV de Santiago possui cinco voluntários e está  precisando de mais. A expectativa é de que alcance até 20 para o acolhimento daspessoas.

 

O RS, segundo ele, é um dos estados com maior número de suicídios, fatos que começam pelo emocional e se não tratados tendem a aumentar ainda mais. O CVV é uma das ferramentas importantes, com alguém permanente para ouvir o outro. O telefone para contato é o 188. Formado exclusivamente por voluntários, oferece apoio emocional e prevenção do suicídio gratuitamente.

 

Atua nacionalmente. Além do telefone está disponível pelo chat, e-mail e pessoalmente em alguns endereços.  O CVV é uma entidade nacional fundada em 1962, financeira e ideologicamente independente. Sem viés religioso, político-partidário ou empresarial.


Veja também:


26/05/2024 | 13h39min

» : PRF prende traficantes com skunk e haxixe em carro com donativos

26/05/2024 | 13h24min

» : Número de mortes causadas pelas chuvas no RS sobe para 169

26/05/2024 | 13h20min

» : STF prorroga cotas raciais em concursos até Congresso votar nova lei


Comentários:


Voltar ao topo