No ar:
Clube do Ouvinte - Jorge Augusto Gonçalves    20h10min às 22h00min

Ouvir!     

» Geral » #pelospeludos


09/07/2020 | 09h15min

Vanessa Mesquita convida artistas e fãs a participarem de projeto social para a causa pet

Campanha vai arrecadar fundos para o Instituto Pet Van e leitores podem ter seu cão na capa do livro "Será que ele me ama?"

Vanessa Mesquita. Foto: DivulgaçãoVanessa Mesquita. Foto: Divulgação

 

 

A ex-BBB Vanessa Mesquita, vencedora da 14ª edição do programa, é a embaixadora de uma campanha lançada pela Citadel Editora que vai destinar recursos para a causa animal. Parte das vendas do livro “Será que ele me ama?”, em pré-venda na Amazon, será revertida para o Instituto de Apoio e Defesa Animal Pet Van.

 

Para disseminar a iniciativa e promover as adesões, a editora lançou esta semana um concurso aberto ao público com objetivo de selecionar 22 cães que vão compor a capa do livro “Será que ele me ama?”. Para participar, os leitores devem postar uma foto no seu próprio perfil no Instagram contando uma história sobre a relação de amor com o seu pet usando as hashtags #meucaonacapa e #seraqueelemeama.

 

A ONG foi criada pela Vanessa, que além de modelo estuda medicina veterinária, para resgatar cães abandonados e cuidar da sua recuperação e posterior doação, além de levantar as bandeiras a favor dos animais e, é claro, contra os maus tratos.

 

Vanessa escreveu o prefácio do livro “Será que ele me ama?”, resultado da pesquisa The Dog Project, de autoria do neurocientista Gregory Berns. A obra é lançada no Brasil com exclusividade pela Citadel Editora.

 

O concurso segue até o dia 27 de julho (segunda-feira) e os 22 ganhadores serão divulgados no perfil da @citadeleditora no Instagram.

 

Sobre o livro: Em Será que ele me ama? o neurocientista americano Gregory Berns descreve em detalhes os anos de sua pesquisa científica The Dog Project, em que decifrou o cérebro canino por meio de estudos de ressonância magnéticas. Detalha todos os processos que levaram às descobertas fascinantes de sua pesquisa na Emory University. Além de seu projeto, Gregory nos presenteia com inúmeras outras pesquisas de pessoas que já dedicaram tempo ao estudo das emoções caninas, como Charles Darwin em “A Expressão das Emoções no Homem e nos Animais” ou o fisiologista russo Ivan Pavlov, ganhador do Prêmio Nobel de 1904.


Veja também:


10/08/2020 | 17h52min

» Pandemia: Governo define nove regiões em bandeira vermelha

10/08/2020 | 17h36min

» Publicidade: Semana no Damian é assim: cheia de coisas boas e promoções

10/08/2020 | 15h49min

» Polícia: PRF apreende 20 mil dólares sem procedência em Santiago


Comentários:


Voltar ao topo