No ar:
A Voz do Brasil - EBC Serviços    19h00min às 20h00min

Ouvir!     

» Geral » Dúvida


02/02/2019 | 15h20min

Vale mais a pena deixar o ar-condicionado em 23ºC do que em temperaturas mais baixas

O uso correto do aparelho faz com que o consumidor tenha uma economia de até 50% na conta de luz

Uso correto resulta em economia. Foto: DivulgaçãoUso correto resulta em economia. Foto: Divulgação

O uso correto do aparelho faz com que o consumidor tenha uma economia de até 50% na conta de luz.

 

Quando está muito calor e as pessoas recorrem ao ar-condicionado, a maioria pensa que precisa ligar na temperatura mais baixa possível para que o ambiente refresque mais rapidamente, mas segundo o especialista, Felipe Brochier, isso é um grande erro.

 

”As pessoas se enganam quando ajustam a temperatura em 17ºC. O condicionador de ar não vai resfriar o local mais rápido por isso. Só irá consumir ainda mais energia, porque o aparelho terá que trabalhar muito para tentar atingir a temperatura desejada.”, explica Felipe.

 

Felipe esclarece que para ter uma economia de luz e fazer o uso correto do aparelho, deve-se manter um padrão de temperatura, e que o ideal seria manter em 23°. Ele ainda explica que quanto mais alto o valor do ajuste (23, 24 ou 25ºC) mais economia estará fazendo.

 

” Se deixarmos o ar-condicionado ligado em 23 graus, por exemplo, será mais fácil de atingir a temperatura local, e o compressor irá se desligar, economizando, assim, mais energia. Essa economia pode chegar a 50%”, afirma.

 

Outras medidas a serem observadas para fazer o uso do aparelho com economia no consumo de energia, é verificar se não existem frestas ou portas e janelas abertas.

 

A capacidade correta do equipamento para o tamanho do local também faz toda a diferença para o melhor uso.

 

Para isso, é preciso multiplicar cada metro quadrado por 600 BTUs e somar o resultado ao número de pessoas que costumam ficar no ambiente (+ 600 BTUs para cada, sem contabilizar a primeira pessoa) e à quantidade de equipamentos eletrônicos no local (+ 600 BTUs para cada aparelho).

 

Fonte: Maetips


Veja também:


21/02/2019 | 16h53min

» Educação: Laboratórios da URI Santiago recebem novos equipamentos

21/02/2019 | 16h43min

» Solidariedade/empresas: Abrigo Institucional recebeu brinquedos arrecadados pela Farmácia Sanar de Santiago

21/02/2019 | 15h28min

» Tráfico: Brigada Militar de Santiago prende jovem portando cerca de oito quilos de maconha


Comentários:


Voltar ao topo