No ar:
Olho Vivo - Jones Diniz    08h10min às 09h55min

Ouvir!     

» Geral » Saúde


18/03/2024 | 10h47min

Temporada da estética: Cirurgião explica porque as estações mais frias são as melhores para cirurgias plásticas

Foto: DivulgaçãoFoto: Divulgação

O outono está na porta e o movimento nos consultórios dos cirurgiões plásticos começou a subir. Segundo o Dr. Luiz Haroldo Pereira, pioneiro em lipoaspiração no Brasil e membro da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica, não é atoa que entre os médicos, o mês central é chamado de “São Julho”. Desde cirurgias faciais até as corporais e outros procedimentos estéticos, a temporada é indicada por aspectos que vão do conforto das baixas temperaturas à baixa exposição solar.

 

“Especialmente no mês de Julho, onde as férias escolares se encontram com as temperaturas ainda mais baixas, a procura por procedimentos aumenta exponencialmente. Então agora é o momento ideal para começar a buscar o cirurgião de sua confiança, analisar os procedimentos que deseja fazer e se preparar para esse momento”, afirma o médico.

 

Conforto para uma recuperação eficiente

 

O resultado vale a pena, mas é fato que os primeiros dias após um procedimento invasivo não são os mais confortáveis. E a experiência de vestir cintas justas em um dia quente também não, devido ao suor e ao calor ainda maior. Por isso, o médico recomenda as estações mais frias. 

 

“Além da facilidade para usar cintas e ataduras, com as temperaturas mais baixas, a retenção de líquidos é menor, assim como o edema, logo, fica ainda mais confortável.”

 

Exposição solar proibida

 

“Não é atoa que os europeus são especialistas em procedimentos faciais. Com a maior parte dos dias frios e nublados, a estação perfeita para as cirurgias no rosto dura quase o ano todo”, afirma o Dr. Além do envelhecimento e manchas, a exposição solar pode atrapalhar na cicatrização, deixando marcas escuras e até mesmo permanentes. Aproveite a temporada de mangas longas, mas não esqueça o filtro solar mesmo assim.

 

Corpo de verão construído no inverno

 

Nada de deixar para começar o “projeto verão” lá na primavera. O ideal é fazer as tão sonhadas intervenções estéticas já no outono/inverno. “Algumas cirurgias levam meses para atingir o seu resultado final, sem inchaços ou processos de cicatrização. Portanto, quanto antes a paciente se preparar para o próximo verão, melhor”.

 

A prótese de silicone nos seios e a lipoaspiração são bons exemplos que levam um tempo para chegar ao resultado final. Então está ansiosa para exibir o novo corpo em um biquini na próxima temporada? Agora é a hora de cuidar dos detalhes. 

 


Veja também:


18/04/2024 | 16h53min

» : Apostas online só poderão ser pagas por PIX, transferência ou débito

18/04/2024 | 16h51min

» : Governo lança Campanha Nacional de Prevenção de Acidentes do Trabalho

18/04/2024 | 16h45min

» : Análise aponta perfil dos óbitos por dengue no RS em 2024


Comentários:


Voltar ao topo