No ar:

Ouvir!     

» Geral » Justiça


14/02/2020 | 16h41min

STF decide que motoristas profissionais condenados por homicídio culposo devem ter CNH suspensa

Por unanimidade, o plenário da Suprema Corte entendeu que a medida não vai contra o direito constitucional ao trabalho

O Supremo Tribunal Federal (STF) decidiu que motoristas profissionais condenados por homicídio culposo, ao volante, podem ter a Carteira Nacional de Habilitação (CNH) suspensa.

 

Por unanimidade, o plenário da Suprema Corte entendeu que a medida não vai contra o direito constitucional ao trabalho. A medida, segundo os ministros, é uma forma de individualizar a pena para punir de maneira adequada cada crime cometido.

 

De acordo com o Código Brasileiro de Trânsito, a pena para o homicídio culposo é de detenção, de dois a quatro anos, e suspensão ou proibição de se obter a permissão ou a habilitação para dirigir veículo automotor. O tempo de suspensão é proporcional à penalidade aplicada.


Veja também:


19/09/2020 | 07h38min

» Ciência: Fapergs divulga vencedores do Prêmio Pesquisador Gaúcho

19/09/2020 | 07h33min

» Agricultura: Projeto pretende resgatar e conservar parte da diversidade genética da erva-mate no RS

19/09/2020 | 07h26min

» Pandemia: Vacina contra Covid-19 deve estar disponível no começo de 2021, diz presidente da Anvisa


Comentários:


Voltar ao topo