No ar:

Ouvir!     

» Geral » Saúde


27/11/2018 | 17h46min

Secretaria de saúde de Santiago mobiliza população para o combate ao aedes aegypty

Dia D será nesta sexta, SES fará a divulgação dos dados atualizados da situação epidemiológica

Gisélle Kollinski Ribeiro. Foto: DivulgaçãoGisélle Kollinski Ribeiro. Foto: Divulgação

A Secretaria Estadual da Saúde (SES) reforça até sexta-feira (3) a mobilização pelo enfrentamento ao mosquito Aedes aegypti, transmissor da dengue, Zika e Chikungunya.

 

Na Semana Nacional de Combate ao mosquito, de 26 a 30 de novembro, todos os municípios do RS foram convidados para a mobilização e sensibilização das redes de saúde, educação e assistência social a respeito da importância da prevenção das doenças. O Dia D será nesta sexta. 

 

Na data, a SES fará a divulgação dos dados atualizados da situação epidemiológica assim como dos índices de infestação do Aedes em mais de 300 cidades gaúchas.

 

Estão sendo sugeridas ações de articulação dos setores da educação, assistência social e saúde no combate ao mosquito, realização de mutirões de limpeza para encontrar e eliminar focos de água parada, gincanas, atividades lúdicas e rodas de conversa.

 

Conforme a Secretaria de Comunicação do governo do RS,  até o início de novembro, o Rio Grande do Sul não apresentava casos de dengue contraídos dentro do estado.

 

Foram registrados apenas 21 casos importados em residentes gaúchos que foram contaminados fora do RS. Já em relação ao vírus chikungunya, foram confirmados no período 11 casos autóctones em Santiago, além de outros oito casos importados distribuídos em oito cidades. Quanto ao zika, não houve caso confirmado no RS no ano.

    

 

 

 

 


Veja também:


10/12/2018 | 17h10min

» Aviso: Abastecimento de água será interrompido em Unistalda

10/12/2018 | 16h53min

» Cidadania: Micro redes reforça organização do atendimento em Santiago

10/12/2018 | 16h46min

» Segurança: Atos de vandalismo são registrados em Santiago


Comentários:


Voltar ao topo