No ar:
Pátria e Querência - Marco Antônio Nunes e Marcelo Peronio Ramos    16h00min às 17h00min

Ouvir!     

» Geral » Pandemia


18/03/2021 | 10h52min

Santiago recebe mais 1.670 doses de vacina e imunização inicia nesta sexta-feira

Será possível completar a vacinação dos profissionais da área de saúde e ampliar as faixas etárias para idosos de até 75 anos de idade

Foto: Ieda BeltrãoFoto: Ieda Beltrão

 As 318,2 mil ampolas de CoronaVac, do Instituto Butantan, que chegaram na  quarta-feira (17), já estão sendo entregues aos municípios gaúchos nesta quinta (18) para dar continuidade à campanha de vacinação no Rio Grande do Sul.

 

Para Santiago, de acordo com as informações do secretário de Saúde, Eldrio Machado, foram destinadas 1.670 novas doses, o que será possível completar a vacinação dos profissionais da área de saúde e ampliar as faixas etárias para idosos de até 75 anos de idade. 



O cronograma de vacinação inicia nesta sexta-feira (19), no município. "Queremos trabalhar de forma gradual, evitando o maior número de filas possível, para a segurança de todos. Pedimos que tenham paciência para evitar aglomeração", reiterou Machado em entrevista a Rádio Santiago.


O cronograma seguirá dessa forma:


Nesta sexta-feira serão imunizados idosos de 77 anos. Cada idoso nessa faixa etária deve procurar a vacina em suas Estratégias de Saúde (ESFs) das 8h às 14h. E o Centro Materno Infantil imuniza também nessa mesma faixa etária, idosos do interior e Centro.


No sábado (20) serão imunizados idosos de 76 anos. As Estratégias estarão abertas excecionalmente para esse fim das 8h ao meio dia. 

E na segunda (22) será a vez de imunizar idosos de 75 anos tantos nas Estratégias de Saúde como no Centro Materno Infantil. 

 

 


Veja também:


13/04/2021 | 10h26min

» Pandemia: Alemanha aprova endurecimento da lei anti-covid que inclui toques de recolher

13/04/2021 | 10h02min

» Saúde: Agências de saúde dos EUA pedem interrupção do uso da vacina da Janssen após coágulos sanguíneos

13/04/2021 | 09h36min

» Saúde: Secretaria da Saúde auxilia municípios a identificar quem ainda não recebeu segunda dose da vacina da Covid-19


Comentários:


Voltar ao topo