No ar:

Ouvir!     

» Geral » Cidade


05/08/2020 | 12h22min

Área dos mais de 70 hectares da antiga escola Rubem Machado Lang passa por georreferenciamento

O que representa mais um passo para a conquista, pelo município, da área que está abandonada

Local está abandonado. Foto: Ieda BeltrãoLocal está abandonado. Foto: Ieda Beltrão

Nesta semana estará feito o georreferenciamento dos mais de 70 hectares da antiga escola Rubem Machado Lang, o que representa mais um passo para a conquista, pelo município, da área que está abandonada.

 

VEJA MAIS IMAGENS DO LOCAL AQUI

 

Há muito tempo se travou uma luta pela conquista daquele espaço visando o desenvolvimento de vários projetos./ O prefeito Tiago Gorski Lacerda disse que as ações estão sendo conduzidas pelo secretário de Desenvolvimento Econômico, Sadi Gioda, mas citou a criação de um novo distrito industrial, políticas habitacionais, e outras atitudes inovadoras apresentadas ao Ministério do Planejamento.

 

Com a  extinção da escola pelo decreto estadual 45.086, de  31 de maio de 2007 e, com o advento do abandono e saída de uma servidora que morava no local, a estrutura existente, começou a se deteriorar  e muita coisa roubada ou danificada por vândalos.

 

Os vários prédios foram engolidos pelo matagal, deixando apenas lembranças de um lugar que foi pujante e com efetiva participação na educação, dando prova do descaso em relação ao patrimônio público, inclusive um prédio que começou a ser construído e ficou inacabado. A burocracia mais uma vez emperra o processo de recuperação e uso desta área federal, que já poderia estar em poder definitivo do município para a concretização dos projetos.

 


Veja também:


19/09/2020 | 07h38min

» Ciência: Fapergs divulga vencedores do Prêmio Pesquisador Gaúcho

19/09/2020 | 07h33min

» Agricultura: Projeto pretende resgatar e conservar parte da diversidade genética da erva-mate no RS

19/09/2020 | 07h26min

» Pandemia: Vacina contra Covid-19 deve estar disponível no começo de 2021, diz presidente da Anvisa


Comentários:


Voltar ao topo