No ar:
Baita Chão - Marco Antônio Nunes e Marcelo Peronio    15h00min às 16h00min

Ouvir!     

» Geral » Tráfico


14/12/2018 | 12h52min

PRF flagra rodotrem com quase 22 toneladas de excesso de peso

Um conjunto da mesma empresa tombou na semana passada em São Borja

Foto: Polícia Rodoviária Federal/DivulgaçãoFoto: Polícia Rodoviária Federal/Divulgação

Em fiscalização na BR 287, em São Borja, no final da tarde de quinta-feira (13), a Polícia Rodoviária Federal (PRF) abordou um conjunto Rodotrem, que deslocava com destino a Santa Maria.

 

Durante o trabalho a equipe suspeitou que a carga, de arroz a granel, pudesse ter algum excesso, porém as duas notas apresentadas pelo motorista não demonstravam tal situação. Indagado ao condutor, este apresentou outras duas notas fiscais, todas da mesma empresa de São Borja.

 

Para surpresa da equipe da PRF, ao serem somados os pesos constantes nas notas fiscais, verificou-se que a carga transportada era de 71 toneladas, totalizando quase 96 toneladas de Peso Bruto Total do conjunto, aproximadamente 22 toneladas de excesso de peso, pois o limite é de 74 t.

 

Na semana passada, um outro conjunto, da mesma empresa, que trabalha no ramo de beneficiamento de grãos na região de Santa Maria, tombou no mesmo trecho, sendo que a carga ficou esparramada na faixa de domínio. Naquela ocasião o condutor foi socorrido com lesões graves e encaminhado ao Hospital Ivan Goulart.

 

O veículo foi retido e excesso da carga está sendo transbordada na manhã desta sexta-feira, junto a Unidade Operacional de São Borja. Nessa situação, tanto o transportador quanto a empresa que carregou o produto são autuados nesse caso, com valor acima de R$ 12 mil para cada um dos responsáveis.


Veja também:


18/07/2019 | 11h05min

» Solidariedade: Campanha do Agasalho de Santiago perto de 70 mil peças arrecadadas

18/07/2019 | 10h20min

» Saúde: Excesso de café aumenta chance de pressão alta em pessoas predispostas

18/07/2019 | 10h17min

» Comportamento: Instagram deixa de mostrar número de curtidas das postagens


Comentários:


Voltar ao topo