No ar:
Sábado Sertanejo - Jones Diniz    16h00min às 18h00min

Ouvir!     

» Geral » Comoção


27/05/2020 | 12h56min

Morte do menino Rafael deixou Planalto em choque, diz prefeito

Antonio Carlos Damin lembrou do menino como alguém educado e inteligente

Rafael na companhia da mãe. Foto: ReproduçãoRafael na companhia da mãe. Foto: Reprodução

O prefeito de Planalto, Antonio Carlos Damin, disse que a cidade está em choque com a notícia da morte de Rafael Mateus Winques, principalmente por conta do envolvimento da mãe, Alexandra Dougokenski, no assassinato do menino de 11 anos. 

 

"A população inteira está chocada com o que aconteceu. A família mora a poucos metros da minha residência e o que posso dizer é que se tratava de um menino educado, inteligente, que sempre me cumprimentava quando passava por ali. Eu tinha ele como alguém muito próximo da gente", disse Damin ao lembrar-se de Rafael. 

 

O prefeito ainda comentou que a mãe do garoto ainda chegou a mobilizar a própria prefeitura para ajudar na procura dele, até então considerado desaparecido. 

 

O estado anímico da mãe chamou a atenção da Polícia Civil durante a investigação. A desconfiança dos investigadores foi confirmada a partir da confissão dela. Nessa terça, após uma entrevista coletiva, o delegado Joeberth Nunes confirmou que Rafael Winques foi morto por asfixia mecânica. Fios foram encontrados ao redor do pescoço do menino. Isso contradiz a versão de Alexandra, que alegou ter ministrado Diazepam porque o filho estava nervoso e inquieto. 


Veja também:


11/07/2020 | 13h37min

» Coronavírus: Santiago registra neste sábado, três casos novos de covid-19, chegando a 158

11/07/2020 | 12h42min

» Coronavírus: Santiago registra primeira morte por covid - 19

11/07/2020 | 08h53min

» Polícia: Foragido é preso pela Brigada Militar na praça Moisés Viana


Comentários:


Voltar ao topo