No ar:
Plantão Gaúcha - Rede Gaúcha Sat    00h00min às 04h59min

Ouvir!     

» Geral » Economia


16/04/2024 | 15h33min

MEIs já podem fazer Declaração Anual de Faturamento

Prazo encerra em 31 de maio

Foto: DivulgaçãoFoto: Divulgação

Começou o prazo para os Microempreendedores Individuais (MEIs) fazerem a sua Declaração Anual de Faturamento (DASN-SIMEI) à Receita Federal. O prazo encerra no dia 31 de maio e inclui a todos os contribuintes que abriram suas MEIS até dezembro do ano passado. Na declaração, o MEI deve informar os ganhos obtidos no ano passado, como vendas e prestações de serviços. A entrega da Declaração Anual de Faturamento é uma obrigação para quem é MEI, independentemente do valor faturado.

 

A entrega da declaração fora do prazo ocasiona multa, sem possibilidade de parcelas os débitos, podem tornar o CNPJ inapto, impedindo que o MEI tenha acesso a serviços financeiros, emissão de Notas Fiscais, entre outras situações que podem prejudicar o negócio.

 

Para facilitar esse processo e esclarecer dúvidas, a Casa do Empreendedor de Santiago atende de segunda a sexta-feira, das 8h às 14h, sem fechar ao meio-dia. A Secretaria de Desenvolvimento Econômico e Casa do Empreendedor está localizada na esquina entre as ruas Duque de Caxias e General Canabarro.


Veja o passo a passo de como declarar

 

Acesse o programa DASN-SIMEI por meio do Portal do Simples Nacional ou pelo app MEI, disponível para download no Google Play e na App Store.

 

Em seguida, no Portal do Simples Nacional, o contribuinte deve acessar o menu Simei – Serviços > Cálculo e Declaração > DASN-Simei - Declaração Anual para o MEI. No app MEI, o contribuinte deve clicar no menu “Fazer a declaração".
Informe o CNPJ.

 

Ao clicar em "Continuar", surge a tela Declarar/Retificar. Informe o ano-calendário (2023).

 

No campo "Valor da Receita Bruta Total", informe o valor total do seu faturamento no ano passado.

 

Se realizou atividades de comércio, indústria e serviço de transporte intermunicipal e interestadual no ano-calendário, informe a receita bruta total específica com essas ocupações.

 

Se teve empregado durante o ano passado, clique em "Sim". Se não teve, clique em "Não".

 

Se o MEI deu baixa do CNPJ em 2023, após selecionar o ano-calendário de 2023, a aplicação indicará automaticamente a opção Situação Especial > Extinção. Em seguida, o MEI deverá informar a data da baixa do CNPJ.


Veja também:


26/05/2024 | 13h39min

» : PRF prende traficantes com skunk e haxixe em carro com donativos

26/05/2024 | 13h24min

» : Número de mortes causadas pelas chuvas no RS sobe para 169

26/05/2024 | 13h20min

» : STF prorroga cotas raciais em concursos até Congresso votar nova lei


Comentários:


Voltar ao topo