No ar:
Plantão Gaúcha - Rede Gaúcha Sat    22h00min às 23h59min

Ouvir!     

» Geral » Meio Ambiente


16/01/2019 | 13h52min

Logística reversa de lâmpadas para Santiago começa a sair do papel

Lâmpadas são altamente contaminantes, por isso não podem ser descartadas de qualquer forma no meio ambiente

Lâmpadas não podem ser descartadas me lixo comum. Foto: Ieda BeltrãoLâmpadas não podem ser descartadas me lixo comum. Foto: Ieda Beltrão

A primeira reunião para estabelecer a logística reversa de lâmpadas para Santiago foi realizada pela secretaria Municipal de Meio Ambiente. A empresa Reciclus que atua sem fins lucrativos, irá assumir o recolhimento e com isso a população poderá destacar as lâmpadas sem custos.

 

A secretária Andriele de Medeiros Martins Perufo disse que já está sendo feito o cadastro das empresas que comercializam este produto. Adiantou que serão estabelecidos quatro pontos de recolhimento estratégicos na cidade os quais serão combinados com os revendedores.

 

 A expectativa é de que até março os locais já estejam funcionando, os quais serão amplamente divulgados pela secretaria.

 

As lâmpadas são altamente contaminantes, por isso não podem ser descartadas de qualquer forma no meio ambiente.

 

Em relação às pilhas, ainda não existe um acordo setorial que deverá ser firmado pelo governo federal. Andriele entende que esta situação é um tanto mais complicada para se estabelecer a logística reversa, porém, não será impossível de acontecer, posterior à organização das lâmpadas.

 

As pilhas possuem o mesmo grau de poluição de uma lâmpada. Os metais pesados agridem a natureza e o procedimento de recuperação da mesma é de forma mais complexa. Quanto às baterias de celular, elas já estão incluídas dentro das campanhas de recolhimento dos eletroeletrônicos. A próxima será em março.//


Veja também:


23/08/2019 | 09h13min

» Política: Câmara de Vereadores de Santiago comemora 135 de parlamento com homenagens

23/08/2019 | 09h08min

» Segurança: Corpo de Bombeiros de Santiago iniciou o projeto "Bombeiro Orienta"

23/08/2019 | 09h03min

» Política: Aprovada pelo Senado, MP da Liberdade Econômica vai desburocratizar atividades de baixo risco, defendem parlamentares


Comentários:


Voltar ao topo