No ar:

Ouvir!     

» Geral » Educação


26/04/2019 | 16h10min

Estudantes da escola São José unem forças por um bairro limpo e livre do Aedes aegypti

"Nosso objetivo é de manter o bairro limpo e conscientizar as pessoas dos riscos de não fazer isso", afirmou professora

Uma turma muito legal. Foto: Divulgação/Prefeitura de SantiagoUma turma muito legal. Foto: Divulgação/Prefeitura de Santiago

Há poucas semanas foi divulgado que o bairro Vila Rica era um dos que tinha maior proliferação do mosquito Aedes aegypti. E você acha que a escola São José iria ficar de braços cruzados diante dessa notícia? Juntamente com estudantes dos anos finais, a professora Luciane de Bastos da Silva iniciou o projeto "Aluno do bem é aluno nota 100", cujo objetivo é de diminuir a infestação do mosquito e tornar o bairro mais limpo.

 

Ela conta que, primeiro, os adolescentes estudaram sobre o assunto com vídeos e palestras. Depois, foram para a rua, bater de porta em porta, conversar com os moradores, entrar nos pátios e eliminar pontos de água parada. "Eles estão bem envolvidos e a comunidade está se sentindo motivada com essa iniciativa, que vai ter prosseguimento", afirma a professora Luciane.

 

A próxima etapa do projeto pretende reunir parcerias, especialmente com os moradores, para fazer uma limpeza nos pátios e eliminar acúmulo de materiais que podem servir de criadouro para o Aedes aegypti. Para isso, terão o auxílio de catadores para recolher materiais recicláveis e outros. "Nosso objetivo é de manter o bairro limpo e conscientizar as pessoas dos riscos de não fazer isso", afirmou Luciane.


Veja também:


21/07/2019 | 13h40min

» Agricultura: Trigo tem plantio finalizado na maior parte das regiões do Rio Grande do Sul

21/07/2019 | 13h25min

» Trânsito: Infrações de ultrapassagem e de velocidade estão entre as principais ocorrências registradas pela PRF

21/07/2019 | 13h09min

» Saúde: Estudo revela que 80% de diabéticos podem ter doenças cardiovasculares


Comentários:


Voltar ao topo