No ar:
Jornal falado - Jones Diniz e Paulo Pinheiro    12h15min às 12h50min

Ouvir!     

» Geral » Pandemia


22/02/2021 | 14h05min

Em reunião com o governador Eduardo Leita, associações pedem continuidade da cogestão

Foto: Felipe Dalla Valle/ PaláFoto: Felipe Dalla Valle/ Palá

Representantes das associações de municípios do Rio Grande do Sul estiveram reunidos com o governo do Estado e pediram de maneira unânime pela manutenção da cogestão no sistema do Distanciamento Controlado contra a Covid-19. No encontro desta segunda-feira, 18 entidades estiveram representadas na conversa com o governador Eduardo Leite.

 

O Executivo estadual, porém, só irá definir a questão após uma conferência com o Gabinete de Crise, marcada para as 14h desta segunda. Leite, inclusive, chegou a cogitar a inclusão de mais restrições caso a opção seja pela continuidade do modelo compartilhado de gestão de protocolos contra o novo coronavírus. 

 

Em sua manifestação, que ocorreu depois da fala de prefeitos e de presidentes de associações, Leite fez um apelo caso o modelo de cogestão seja mantido. "Tivemos 18 associações falando hoje e se manifestaram de forma unânime. Vou tomar a decisão com o gabinete de crise, mas essas manifestações serão muito consideradas. Eu concordo que não podemos punir a economia e por isso criamos o sistema de Distanciamento Controlado, mas o que estamos vendo agora é uma situação fora do comum", disse. "Se a decisão for pela cogestão, vamos discutir outros tipos de restrições no período noturno, talvez encurtando o período de funcionamento de locais das 22h para as 20h. Precisamos mostrar com clareza que o vírus é uma realidade assustadora", acrescentou. 

 

Ao falar da chance de continuidade da cogestão, Leite afirmou que os prefeitos serão fundamentais na fiscalização de locais com aglomerações.

 


Veja também:


26/02/2021 | 10h42min

» Economia: Desemprego recua para 13,9% no 4º trimestre, mas é o maior para o ano

26/02/2021 | 09h36min

» Economia: Índices de confiança da indústria e dos serviços caem em fevereiro

26/02/2021 | 09h16min

» Educação: Alerta máximo: o que muda no Câmpus e Escola da URI


Comentários:


Voltar ao topo