No ar:
Clube do Ouvinte - Jorge Augusto Gonçalves    20h10min às 22h00min

Ouvir!     

» Geral » Agricultura


31/07/2020 | 13h16min

Definidas as tipologias de terra para declaração do ITR

Cabe ao município fazer o levantamento da Terra Nua para que os proprietários rurais possam fazer a declaração com base nesta informação

Foto: Ieda BeltrãoFoto: Ieda Beltrão

O ITR é alto declarável. Ou seja, cada produtor declara de acordo com sua propriedade. Cabe ao município fazer o levantamento da Terra Nua para que os proprietários rurais possam fazer a declaração com base nesta informação.

 

Conforme a secretária municipal da Fazenda, Cristiane Wesz Gonçalves, para isso segue-se algumas instruções normativas da Receita Federal, uma delas é a 1.877-2019 prevendo que o Valor da Terra Nua deve ser feito através de um laudo técnico e, com base nisso, irá identificar o valor de mercado do bem. Cristiane explica que cada região apresenta valores diferentes, pela valorização pra mais ou pra menos dos lugares.

 

Para Santiago, de acordo com a  Instrução Normativa são seis tipologias: lavoura (aptidão boa) R$ 8.173,00 ; lavoura (aptidão regular) R$ 6.538,00; lavoura (aptidão restrita) R$ 5.254,00; pastagem plantada – R$ 4.086,00; silvicultura ou pastagem natural – R$ 3.327,00 e preservação da fauna e flora – R$ 2.428,00, valores referentes ao hectare.

 

O período para declarar o ITR  inicia no dia 17 de agosto, encerrando em 30 de setembro. O item com maior influência na declaração é o Valor da Terra Nua.


Veja também:


07/08/2020 | 15h59min

» Economia: Inflação oficial fica em 0,36% em julho, diz IBGE

07/08/2020 | 15h55min

» Educação: Smeec faz pesquisa sobre retorno às aulas no Ensino Fundamental

07/08/2020 | 10h41min

» Economia: Caixa abrirá nesta sábado para liberar auxílio emergencial e FGTS


Comentários:


Voltar ao topo