No ar:

Ouvir!     

» Geral » Comportamento


02/04/2019 | 16h10min

"Cruz Azul", um trabalho incansável pelos dependentes químicos e familiares

O grupo trabalha com dinâmicas e espiritualidade, voltadas à doença por dependência química

Em Santiago, todas as segundas-feiras, o grupo Cruz Azul de ajuda aos dependentes químicos, se reúne a partir das sete da noite, na igreja Batista, ao lado do GSSGS.

 

Rosane Esmério, que coordena o trabalho explica que o objetivo é garantir a abstinência do usuário. Geralmente o grupo é procurado por familiares daqueles  internados em fazendas ou clinicas para continuar recebendo atendimento, mas segundo ela, a procura deve ocorrer independente disso.

 

Coloca que é necessária persistência, entendimento e aceitação por parte dos familiares e dependentes. Lembra que um simples descuido estimula a recaída, e isso pode acontecer no retorno do doente para a casa. A família precisa estar preparada e orientada sobre o acolhimento.

 

O grupo Cruz Azul trabalha com dinâmicas e espiritualidade, voltadas à doença por dependência química. Formas e maneiras de prevenção são apresentadas, assim como de manutenção da abstinência. Reforça que é preciso adotar  dinâmica familiar que favoreça a abstinência do dependente e que todos devem permanecer ao lado do doente com o mesmo objetivo.


Veja também:


18/07/2019 | 16h46min

» Agenda: Bandeira do Brasil será tema da Semana da Pátria em Santiago. Ordem do desfile está pré-definida

18/07/2019 | 11h05min

» Solidariedade: Campanha do Agasalho de Santiago perto de 70 mil peças arrecadadas

18/07/2019 | 10h20min

» Saúde: Excesso de café aumenta chance de pressão alta em pessoas predispostas


Comentários:


Voltar ao topo