No ar:
Clube do Ouvinte - Jorge Augusto Gonçalves    20h10min às 22h00min

Ouvir!     

» Geral » Educação


11/03/2024 | 10h05min

Com debates sobre o presente e o futuro do ensino público, começa a 1ª Semana Estadual da Educação

Foto: Ieda BeltrãoFoto: Ieda Beltrão

Para abrir caminho a reflexões profundas sobre o presente e o futuro da Educação no Rio Grande do Sul, a Secretaria da Educação (Seduc) inicia na segunda-feira (11/3) a Semana Estadual da Educação. A programação inclui uma série de eventos estratégicos voltados a discutir soluções para os principais desafios do ensino público. Até sexta-feira (15/3), quando se comemora o Dia da Escola, estão previstos encontros, debates, lançamentos e inaugurações.

 

Conforme a secretária da Educação, Raquel Teixeira, a Semana da Educação joga luz sobre o tema e homenageia o espaço aonde ocorre o aprendizado, a escola. “Escolhemos esse período para fazermos reflexões, ver o que estamos fazendo e onde queremos chegar. É também uma forma de homenagear a importância da escola, onde afloram conhecimentos, competências, habilidades, atitudes e se aprende a conviver em uma sociedade complexa”, explicou.

 

Programação

Na segunda-feira (11/3), às 16h30, em reunião com o Instituto Sesi de Formação de Professores, na Secretaria da Educação, serão apresentados os resultados de uma pesquisa realizada pela organização sobre o Sistema de Avaliação do Rendimento Escolar do Rio Grande do Sul (Saers). Os indicadores são importantes para entender o impacto-escola, que considera fatores que influenciam na aprendizagem e resultados da Educação.

 

Na terça-feira (12/3), às 9h, a titular da Seduc, Raquel Teixeira, acompanha o diretor global do Google for Education, Kelvin Kehls, em uma visita ao Instituto de Educação General Flores da Cunha. Na ocasião, será apresentado o estágio de desenvolvimento do Centro Gaúcho de Educação Mediada por Tecnologias (Cegemtec), que vai funcionar no local, e que conta com cooperação da Organização dos Estados Ibero-Americanos e da Google.

 

No mesmo dia, às 11h, no Palácio Piratini, com a presença do governador Eduardo Leite, será lançado o Programa Estadual de Apoio à Alfabetização (Alfabetiza Tchê), que tem objetivo de assegurar que todos os estudantes da rede pública gaúcha estejam alfabetizados ao final do 2º ano do Ensino Fundamental. No evento, será apresentado o programa, metodologia, ações para auxiliar na recuperação de escolas que não atinjam bons resultados e a estrutura de pessoal envolvida, entre outros detalhes. Também estará presente no evento a secretária executiva do Ministério da Educação, Maria Izolda Cela, reconhecida por seu trabalho na alfabetização brasileira.

 

Também na terça-feira, os alunos beneficiários do programa Todo Jovem na Escola (TJE), do governo do Estado, poderão começar a retirar os cartões. Responsável pela emissão, o Banrisul fará a distribuição de mais de 100 mil unidades nas agências bancárias dos municípios de residência dos estudantes. A primeira recarga de R$ 150, referente ao auxílio-material escolar, já estará disponível na data. O cartão emitido em nome dos alunos é uma novidade do programa, que foi reformulado no ano passado. Até então, os valores eram creditados no Cartão Cidadão do responsável familiar.

 

Para finalizar o 12 de março, às 18h será exibido o documentário “Nunca me sonharam” no GNC Cinemas do Shopping Praia de Belas. O objetivo é oportunizar a ida de mais de 200 estudantes de escolas estaduais para assistir à obra. Filmado em 2017, com apoio do Instituto Unibanco, a película dirigida por Cacau Rhoden mostra a realidade do Ensino Médio brasileiro por meio de relatos de estudantes, gestores, professores e especialistas. Sua exibição já ocorreu em sete países. Após a sessão, haverá um debate sobre a educação pública.

 

A quarta-feira (13/3) começa com dois eventos importantes. Às 9h, no Salão de Atos da Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul (PUCRS), ocorre a abertura do 2º Seminário Estadual de Gestão da Educação Pública. O evento vai reunir mais de mil pessoas, entre gestores escolares, coordenadores regionais, técnicos e lideranças da Seduc, para discutir tópicos importantes da Educação. Entre os principais temas a serem abordados, estão gestão para o avanço contínuo da educação pública, proteção à trajetória acadêmica dos estudantes, potencialidades das avaliações educacionais no contexto gaúcho e bem-estar, convivência e dimensão relacional da gestão escolar.

 

Também às 9h de quarta-feira,  o vice-governador Gabriel Souza participa do evento Partiu Futuro: Governo e Setor Produtivo pelo Futuro das nossas Juventudes, que ocorre no Espaço Caldeira, em Porto Alegre. O objetivo é apresentar o programa, lançado por meio do Gabinete de Projetos Especiais (GPE) em outubro de 2023, e que prevê a qualificação técnica e aprendizagem profissional para jovens a partir de 14 anos. A ocasião será uma oportunidade para apresentar o programa a representantes dos setores produtivos e empresários.

 

Na quinta-feira (14/3), às 8h, a secretária da Educação, Raquel Teixeira, acompanhada pelo superintendente executivo do Instituto Unibanco, Ricardo Henriques, visita o Colégio Ildo Meneghetti, no bairro Restinga, em Porto Alegre, para conhecer a escola, que faz parte do programa Jovem de Futuro, desenvolvido pela instituição para melhorar a gestão da rede. Serão beneficiados 1.910 alunos dos ensinos Fundamental e Médio, em três turnos.

 

Às 17h, na Seduc, a titular da pasta reúne-se com o executivo de Educação do Fundo das Nações Unidas para a Infância (Unicef), Gustavo Heidrich, para aprovação de um plano de trabalho com a iniciativa Um Milhão de Oportunidades para o Futuro (1MiO), do Unicef, que mobiliza empresas, sociedade civil, governos e jovens para promover oportunidades de formação profissional, participação cidadã e trabalho para adolescentes e jovens entre 14 e 29 anos.

 

Na sexta-feira (15/3), último dia da Semana da Educação, a Seduc prevê a inauguração de uma escola ainda a ser anunciada, como forma de celebrar o Dia da Escola. Ainda na sexta, ocorre uma reunião, às 10h30, na Seduc, com o gerente de Educação Básica do Sesi, Wisley Pereira, para discutir a experiência das instituições de ensino Sesi na implementação do Novo Ensino Médio nas escolas da rede pública.

 

 


Veja também:


22/05/2024 | 10h29min

» : Números mais recentes das enchentes no RS desta quarta-feira

22/05/2024 | 09h53min

» : Cerca de 2 mil pessoas em 13 municípios recebem valores do pix nesta semana

22/05/2024 | 06h55min

» : Governo discute moradias para os afetados pelas chuvas com setor da construção civil


Comentários:


Voltar ao topo