No ar:
Plantão Gaúcha - Rede Gaúcha Sat    00h00min às 04h59min

Ouvir!     

» Geral » Política


27/05/2022 | 17h07min

Câmara discute aumento de pena para crimes contra idosos

Maior mudança em proposta está relacionada com a apropriação ou o desvio de bens

A Câmara dos Deputados analisa um projeto de lei que altera o Estatuto do Idoso, aumentando a punição prevista para os crimes de negligência e de apropriação indevida de bens quando praticados contra pessoas com 60 anos ou mais. Na última quarta-feira, a Comissão de Defesa dos Direitos da Pessoa Idosa da Câmara aprovou a proposta, que segue agora para o plenário da Casa.

 

A maior mudança está relacionada com a apropriação ou o desvio de bens, proventos, pensão ou qualquer outro rendimento do idoso. Atualmente, a pena prevista é de quatro anos de reclusão mais pagamento de multa. Com as alterações, a punição passa a prever prisão por período de três a dez anos.

 

Em casos de negligência, a proposta eleva para dois meses a dois anos de detenção e multa a pena para quem colocar em perigo a integridade ou saúde física ou psíquica do idoso. A punição é prevista também para quem submeter a vítima a condições desumanas ou degradantes ou levar o idoso a realizar trabalho excessivo ou inadequado. 


Veja também:


26/06/2022 | 10h30min

» Polícia: BM de Santiago prende homem por tentativa de homicídio e porte ilegal de arma de fogo em Itacurubi

26/06/2022 | 06h05min

» Loteria: Quina de São João teve 11 ganhadores; confira os números

25/06/2022 | 17h47min

» Internacional: Rússia conquista Sievierodonetsk após combate sangrento


Comentários:


Voltar ao topo