No ar:
Clube do Ouvinte - Jorge Augusto Gonçalves    20h10min às 22h00min

Ouvir!     

» Geral » Cidadania


13/07/2020 | 16h25min

Busca por novas famílias aumenta atendimento na secretaria de Desenvolvimento Social

Órgão já distribuiu 2.824 cestas básicas, além de 2.327 orientações em relação ao auxilio emergencial

Foto: Ieda BeltrãoFoto: Ieda Beltrão

A proteção social e a garantia de direitos daqueles que precisam são alguns dos fundamentos que norteiam as ações da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social.

 

 Durante a pandemia foi preciso reordenar os serviços para prosseguir com os objetivos. Toda a equipe da secretaria se mobilizou e elaborou  um plano de contingência para a política de assistência social, de acordo com a realidade do município.

 

Conforme a titular da pasta, Denise Florio Cardoso, o plano  referenciou a atuação da secretaria nesta época de pandemia. Apesar de tudo os técnicos nunca pararam suas atividades. O único atendimento que deixou de ser feito foi em grupo. 

 

A secretária mencionou também a organização do serviço em territórios.  Existem quatro referências de atendimento: na Secretaria de Desenvolvimento Social ( com território abrangendo desde o Bairro Itu até o Bairro Zampereti e Interior); Cras Vó Ângela (Ana Bonato, Céu Aberto, Gaspar Dutra, Lulu Genro, Monsenhor Assis, Riachuelo e São Jorge); Cras Volante (bairros Carlos Humberto, Daer, Eletricitários, irmã Dulce, Jardim dos Eucaliptos, João Goulart, Nei Pereira e Santiago Pompeu e o Cras Delci Viero Ruivo ( bairros Atalaia, Guabiroba, Missões, Vila Nova, Vila Rica e Vista Alegre.

 

O público prioritário da Assistência Social é formado por crianças, adolescentes, idosos, doentes crônicos, pessoas com deficiência e mulheres vítimas de violência.

 

A média de procura em todos os territórios é de 3.867 famílias, incluindo aquelas que estão acessando pela primeira vez os serviços de assistência social, o que representa 2.539, após início da pandemia. Denise Cardoso considera um número bastante expressivo. Apesar disso o número de famílias novas tem diminuído nos últimos dias.

 

A Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social já distribuiu 2.824 cestas básicas, além de 2.327 orientações em relação ao auxilio emergencial.

 


Veja também:


10/08/2020 | 17h52min

» Pandemia: Governo define nove regiões em bandeira vermelha

10/08/2020 | 17h36min

» Publicidade: Semana no Damian é assim: cheia de coisas boas e promoções

10/08/2020 | 15h49min

» Polícia: PRF apreende 20 mil dólares sem procedência em Santiago


Comentários:


Voltar ao topo