No ar:

Ouvir!     

» Geral » Pecuária


04/05/2021 | 17h10min

Barreira sanitária é realizada em toda a área da 17ª supervisão regional de agricultura

Objetivo foi restringir a circulação de animais e produtos da área vegetal, com fiscalização feita pela Secretaria Estadual da Agricultura.

Foto: Ieda BeltrãoFoto: Ieda Beltrão

No dia 29 de abril foi realizada a barreira sanitária sincronizada envolvendo os trinta municípios que compõem a 17ª Supervisão Regional de Agricultura ( SRA) com sede em São Luiz Gonzaga, da qual Santiago faz parte. O objetivo foi restringir a circulação de animais e produtos da área vegetal, com fiscalização feita pela Secretaria Estadual da Agricultura.

 

De acordo com o chefe da Inspetoria Veterinária de Santiago, Marco Antônio de Castro Morales durante a barreira foi conferido aspectos sanitários e documentais das cargas em trânsito, prevenindo riscos de contaminação e disseminação de pragas ou doenças. As barreiras que seguem sendo realizadas coíbem a prática de ilegalidade, incluindo o trânsito de animais.

 

Na barreira realizada na última quinta-feira foram sincronizados todos os acessos aos municípios da 17ª SRA para vigilância. Morales aproveitou para informar que qualquer alteração no rebanho, com sintomas semelhantes aos da febre aftosa deverão ser notificados na Inspetoria Veterinária para tomada imediata de ações. Destacou que cada um precisa fazer sua parte na vigilância constante do rebanho para manter o status de zona livre de febre aftosa sem vacinação, tão batalhado no RS.

 

Já os produtores que ainda não entregaram a documentação do censo têm até o final deste mês./ O documento poderá ser feito por e-mail para [email protected] ou pelo Whatssap 3251 2585.


Veja também:


05/05/2021 | 12h06min

» Saúde: Centro Empresarial de Santiago ainda tem algumas doses para a vacina contra a Gripe

05/05/2021 | 11h13min

» Oportunidade: Motorista de carreta é uma das vagas do Sine de Santiago

05/05/2021 | 10h58min

» Publicidade: Sorteio especial Damian CenterLar!


Comentários:


Voltar ao topo