No ar:

Ouvir!     

» Geral » Cinema


30/05/2019 | 09h59min

Assista a vida de Erasmo Carlos e da Jovem Guarda na Estação de dentro do carro

Será no dia 6 de junho em frente a Estação do Conhecimento a exibição do filme "Minha fama de mau"

Foto: DivulgaçãoFoto: Divulgação

Santiago estará recebendo no dia 6 de junho o projeto “Cine Autorama” que trata-se de uma sessão de cinema móvel estilo drive-in, previsto para acontecer no Largo da Estação do Conhecimento.

 

O filme que será projetado é “Minha fama de mau” que retrata a história do jovem Erasmo Carlos (Chay Suede) lutando para sobreviver, se virando com pequenos trabalhos e alimentando sua paixão pelo rock and roll. Ele aprende a tocar violão e passa a perseguir a ideia de viver da música, misturando talento e um pouco de sorte ele conhece Roberto Carlos (Gabriel Leone), com quem começa a compor diversas canções transformando para sempre a sua vida.

 

Com previsão para início as 19h tendo a abertura com sessão de curtas metragens, a classificação etária é de 12 anos e a entrada é gratuita. As vagas devem ser reservadas através do site www.cineautorama.com.br onde é realizado o cadastro do veículo, quem não possui automóvel poderá assistir ao filme pois haverá algumas cadeiras e sistema de som externo.

 

Segundo o gestor de cultura, Rodrigo Neres, essa é uma oportunidade única pois apenas quatro cidades gaúchas foram contempladas e até o momento já foram realizadas 138 reservas restando poucas. Ele reforça a importância de garantir a vaga através do site do evento e que mais informações ou orientações podem ser obtidas junto ao Departamento de Cultura (55) 3251-2362.


Veja também:


21/09/2019 | 14h58min

» Oportunidade: Projeto Taifa inicia curso de corte e costura com palestra do empresário Osvaldo Nicola

21/09/2019 | 14h56min

» Saúde: Secretaria de Saúde implantará melhorias nos serviços de saúde mental

21/09/2019 | 14h54min

» Política: Deputados querem mudar Lei da Informática para atender demandas da Organização Mundial do Comércio


Comentários:


Voltar ao topo