No ar:
Essência Gaúcha - Marcelo Peronio    14h00min às 16h00min

Ouvir!     

» Geral » Empresa


22/07/2019 | 15h36min

Agrosolo compra a unidade da antiga Cooperativa Tritícola

De acordo com o empresário Luiz Felipe Minozzo existe a preocupação permanente em infraestrutura

Foto: DivulgaçãoFoto: Divulgação

O empreendedorismo continua em Santiago, com expansão de área de negócios. É o caso da Agrosolo que adquiriu  a unidade da antiga Cooperativa Tritícola localizada na rua Osvaldo Aranha, a unidade de Unistalda e de Nova Esperança do Sul.

 

De acordo com o empresário Luiz Felipe Minozzo existe  a preocupação permanente em infraestrutura, seja para o armazenamento e comercialização do produto. A área total da unidade da antiga Tritícola em Santiago é de quase cinco hectares, com pavilhões de fundo chato para armazenamento de adubo e sementes, com 15 mil metros quadrados, além de um silo em fundo “V” para 300 mil sacos de soja, milho ou trigo.

 

 Minozzo ressalta que toda a área estava abandonada e avariada, mas hoje está com 50% da sua capacidade em condições. Os investimentos continuam, porque no local também vai funcionar uma unidade de beneficiamento e embalagem de produtos como milho, o primeiro a ser colocado no mercado em embalagem de cinco quilos, entre outros produtos.

 

 Luiz Felipe Minozzo anunciou  também a compra de uma área em Jaguari, após o segundo trevo (sentido Santiago/Jaguari) onde foi feita a terraplenagem para a construção de mais uma unidade da Agrosolo, além do aumento da frota de caminhões.

 

Hoje a capacidade estática da empresa é de 1 milhão e 200 mil sacos e a comercialização é de R$ 2 milhões de sacos de soja/ano, além de trigo e milho.


Veja também:


06/12/2019 | 17h28min

» Agricultura : Secretaria da Agricultura suspende multa para quem perdeu prazo de vacinação contra febre aftosa

06/12/2019 | 16h54min

» Animais: Santiaguense sensibiliza com campanha para salvar sua gata de estimação

06/12/2019 | 15h41min

» Agenda: Àrvore gigante é montada para celebrar o Natal-Terra dos Poetas


Comentários:


Voltar ao topo