No ar:
Tá em casa - Ieda Beltrão    14h00min às 15h00min

Ouvir!     

» Esporte » Internacional


15/05/2020 | 15h29min

Governo dá sinal verde para volta do Campeonato Inglês

Intenção é que jogos retornem em junho

© Reuters/Lee Smith/Direitos Reservados© Reuters/Lee Smith/Direitos Reservados

Os planos da Premier League (Campeonato Inglês) para recomeçar a temporada em junho ganharam força após o secretário de Internet, Cultura, Mídia e Esporte do governo britânico, Oliver Dowden, afirmar que o governo está “abrindo a porta” para o futebol voltar no próximo mês.

 

Dowden disse que teve uma “reunião positiva” com autoridades do futebol, que incluíram o Campeonato Inglês, a Liga Inglesa de Futebol e a Associação de Futebol da Inglaterra para “levar adiante os planos” para o retorno dos jogos.

 

“Todos concordamos que só iremos em frente se for seguro fazê-lo e a saúde e bem-estar de jogadores, técnicos e equipes estiver em primeiro lugar”, declarou Dowden em um comunicado.

 

“O governo está abrindo a porta para o futebol voltar com segurança em junho. Isto deveria incluir ampliar o acesso para torcedores verem cobertura ao vivo e fazer com que as finanças da retomada dos jogos sustente a família do futebol como um todo”, declarou o líder político.

 

Embora o governo tenha dado sinal verde, Dowden afirmou que cabe aos dirigentes do futebol finalizar os detalhes de como tudo acontecerá, mas que o governo oferecerá aconselhamento.

 

“Existe uma boa vontade geral para conseguir isso pelos torcedores, pela comunidade do futebol e pela nação como um todo”, declarou o secretário.

 

“O governo e nossos especialistas médicos continuarão oferecendo aconselhamento e apoio ao esporte antes de qualquer decisão final que coloque estes planos em ação”, afirmou Dowden.


Veja também:


14/08/2020 | 07h24min

» Brasileirão: Com Guerrero inspirado, Inter conquista segunda vitória

13/08/2020 | 05h36min

» Brasileirão: Fora de casa, Grêmio empata com o Ceará

12/08/2020 | 10h23min

» Internacional: França: nova onda de covid-19 pode ter controle mais difícil


Comentários:


Voltar ao topo