No ar:

Ouvir!     

» Entretenimento »


16/07/2019 | 07h43min

Vivi Guedes foge com Chiclete da igreja em "A dona do pedaço"

E eles têm momento tórrido

Vivi Guedes é humilhada na igreja por Camilo. Foto: Globo/João Miguel Júnior/DivulgaçãoVivi Guedes é humilhada na igreja por Camilo. Foto: Globo/João Miguel Júnior/Divulgação

Vivi Guedes (Paolla Oliveira) achou que viveria um sonho, mas o seu casamento acabou virando um pesadelo. Depois de descobrir que a noiva andou se encontrando com Chiclete (Sergio Guizé), Camilo (Lee Taylor) armou um plano para se vingar da blogueira.

 

Na novela A Dona do Pedaço, Vivi entra deslumbrante na igreja e diz "sim" diante do padre. Mas quando é a vez de Camilo dizer, ele avisa que não vai mais se casar e xinga a noiva. Além disso, Camilo mostra, através de um telão, as cenas da it girl entrando no motel com Chiclete.

 

"Eu segui a Vivi. Essa é a imagem da câmera do motel, quando ela entrou com outro. Satisfeitos?", diz Camilo para toda a igreja.

 

Antes de sair do local, Camilo diz em alto e bom som para o delegado, enquanto olha Vivi e a alfineta:

 

"Amanhã volto pra delegacia. Não tem mais lua de mel. Vá sozinha pra Tailândia."

 

Beatriz (Natália do Vale) e Fabiana (Nathalia Dill) tentam consolar Vivi, que assiste a tudo calada. É então que ela olha para Chiclete, caminha em sua direção e o chama para fora da igreja. Aos beijos, eles entram no carro do rapaz e seguem para o motel.

 

A sós, ele tira o vestido da noiva e o clima entre os dois começa a ferver. Vivi estoura um champanhe e os dois vão para a cama.  Depois do momento tórrido, ele admira Vivi e pergunta:

 

"Você tá bem?"

 

"Eu te amo", ela responde.

 

"Eu também te amo. Quero você pra toda vida", declara Chiclete.

 

Gshow

 

 


Veja também:


23/08/2019 | 09h13min

» Política: Câmara de Vereadores de Santiago comemora 135 de parlamento com homenagens

23/08/2019 | 09h08min

» Segurança: Corpo de Bombeiros de Santiago iniciou o projeto "Bombeiro Orienta"

23/08/2019 | 09h03min

» Política: Aprovada pelo Senado, MP da Liberdade Econômica vai desburocratizar atividades de baixo risco, defendem parlamentares


Comentários:


Voltar ao topo