No ar:
Plantão Gaúcha - Rede Gaúcha Sat    22h00min às 23h59min

Ouvir!     

» Entretenimento » Luto


07/08/2023 | 10h55min

Morre a atriz Aracy Balabanian, aos 83 anos

A artista, havia sido diagnosticada com câncer de pulmão no fim do ano passado

Aracy Balabanian. Foto: Divulgação/GloboAracy Balabanian. Foto: Divulgação/Globo

Morreu, aos 83 anos, na manhã desta segunda-feira (7), a atriz Aracy Balabanian. A artista, que havia sido diagnosticada com câncer de pulmão no fim do ano passado, estava internada na Clínica São Vicente, na Gávea, na Zona Sul do Rio de Janeiro. A notícia foi confirmada por familiares e amigos.

 

Natural de Campo Grande, no Mato Grosso do Sul, Aracy Balabanian estreou na televisão em 1965 ao protagonizar "Antígona", de Sófocles, numa versão teleteatral pioneira da TV Tupi. Antes disso, a então jovem artista — formada pela Escola de Arte Dramática da Universidade de São Paulo (USP) — se destacou pela atuação nos palcos em espetáculos com o grupo Teatro Brasileiro de Comédia, o TBC. De lá pra cá, a atriz sempre se dividiu entre os tablados e os estúdios televisivos.

 

A artista apenas teve a aceitação do pai — a família, oriunda da Armênia, não aprovava sua incursão pelas artes — depois de estrelar "Antônio Maria" (1968), novela da TV Tupi em que contracenava com Sérgio Cardoso. Filha de imigrantes, Aracy teve a paixão despertada pelo teatro ainda criança, quando já morava em São Paulo e foi levada pelas irmãs mais velhas para assistir a uma peça de Carlo Goldoni com a companhia de Maria Della Costa. "Chorei muito. Estava emocionada porque era aquilo que eu queria. É muito difícil para uma criança de 12 anos, ainda mais naquela época, querer ser atriz e já perceber que ia ter muitas dificuldades", relembrou, ao site "Memória Globo".


Veja também:


16/05/2024 | 10h13min

» : Narrador esportivo Silvio Luiz morre aos 89 anos

15/05/2024 | 07h39min

» : Grupo Os Mateadores promove nesta quarta uma live solidária

14/05/2024 | 11h13min

» : Quadro do cavalo Caramelo é vendido por R$ 130 mil em leilão


Comentários:


Voltar ao topo