No ar:
Plantão Gaúcha - Rede Gaúcha Sat    22h00min às 23h59min

Ouvir!     

» Entretenimento » Novela


28/12/2022 | 12h19min

Depois da Muda de Pantanal, Bella Campos será estudante de Direito ativista em Vai na fé

A nova novela das sete

Após o sucesso como Muda, em “Pantanal”, Bella Campos volta à TV em outro papel de destaque, agora na faixa das 19h. Em “Vai na fé”, que estreia dia 16 de janeiro na TV Globo, ela será Jenifer Daiane, a filha mais velha de Sol (Sheron Menezzes), protagonista da história de Rosane Svartman, com direção artística de Paulo Silvestrini. Jovem estudiosa, Jenifer sonha ser advogada e entra em uma prestigiada faculdade com bolsa de estudos, pelo sistema de cotas.

 

“Jenifer é muito consciente, tem bastante noção do que é o mundo. Acho que, por isso, ela é muito segura nas suas convicções. Vai ser muito bonito vê-la desbravando esse novo universo de cursar uma faculdade e acompanhar a despedida dela da adolescência. Minha personagem vai representar muitas jovens que são a primeira da família a ingressar numa universidade”, adianta Bella Campos sobre a personagem que também é feminista e ativista, e fica indignada com a apatia do pai Carlão (Che Moais) frente às tarefas domésticas.


 

No ambiente universitário de festas e embates, ela conhece Yuri (Jean Paulo Campos) e Bella (vivida pela estreante Clara Serrão). O trio forma uma rede de apoio e segurança para os conflitos que se fazem presentes no convívio com outros alunos, como Guiga (Mel Maia), Fred (Henrique Barreira) e Otavio (Gabriel Contente), de realidades distintas das deles. São jovens que carregam o sonho de um futuro melhor e mais justo — e lutam por isso — sem nunca perder a fé.

 

“Yuri é o meu primeiro personagem maior de idade. Mesmo muito jovem, tenho que trazer pra ele uma maturidade maior que nos outros papéis que já vivi”, observa Jean Paulo, de 19 anos, ator que ficou conhecido como Cirilo na versão de “Carrossel”, do SBT, em 2012: “Ele tem um senso de justiça aflorado. As principais questões que ele vai enfrentar serão sociais, como o fato de ser um jovem cotista e negro de baixa renda”.

 

Telinha


Veja também:


15/05/2024 | 07h39min

» : Grupo Os Mateadores promove nesta quarta uma live solidária

14/05/2024 | 11h13min

» : Quadro do cavalo Caramelo é vendido por R$ 130 mil em leilão

12/05/2024 | 13h20min

» : Feira do Livro de Santa Maria é adiada para setembro devido às enchentes


Comentários:


Voltar ao topo