No ar:

Ouvir!      Fale com o locutor/mural

» Vida / Estilo » Saúde


01/08/2016 | 10h01min

Mascar chiclete é bom ou ruim para a dieta? Emagrece ou aumenta a fome?

Saiba o que dizem estudos realizados no Reino Unido

Só não pode exagerar. Foto: DivulgaçãoSó não pode exagerar. Foto: Divulgação

Um dos truques mais populares para perder peso é mascar chiclete entre as refeições. Mas até onde a prática é verdadeiramente eficaz?

 

Quando mascado nos momentos certos, o chiclete pode realmente ajudar a perder peso, pois evita o consumo de alimentos fora de hora por promover uma sensação de saciedade. Ao mascar o doce, o organismo se prepara para iniciar o processo de digestão e o trabalho gástrico começa, fazendo com que o teor de ácido aumente para a quebra dos nutrientes e levando à sensação de comer e satisfação. O ideal seria mascar a goma entre o café da manhã e o almoço e entre o almoço e a janta.

 

Estudos realizados no Reino Unido apontam que os efeitos do chiclete na regulação do apetite podem ser positivos, já que o hábito evitaria o consumo de alimentos por simples tédio e por produzir saciedade. As pesquisas, no entanto, afirmam que existe um tempo exato para mascar a goma para que ela ajude na dieta.

 

Mastigar chiclete durante 45 minutos faz com que o açúcar presente na goma produza liberação de insulina, que induziria o apetite e, uma vez que ela perde o sabor, seria experimentada uma salivação extra que diminuiria a fome.

 

É preciso ainda saber que exagerar no tempo mascando chiclete e na quantidade pode trazer prejuízos para a saúde, como aumento da acidez do estômago para quebrar nutrientes que acabam não chegando ao órgão, causando assim desconforto, gastrite e queimação. Além disso é importante optar por gomas sem açúcar, que não comprometem a saúde dos dentes.


Veja também:


19/11/2017 | 11h34min

» Casa: Já está na hora de montar a árvore de Natal?

19/11/2017 | 11h10min

» Programe-se: Veja quantos feriados prolongados teremos em 2018

19/11/2017 | 11h05min

» Saúde: Uso racional de antibióticos é fundamental para a saúde


Comentários:


Voltar ao topo