No ar:
Pátria e Querência - Paulo Pinheiro    15h30min às 17h00min

Ouvir!     Fale com o locutor

» Vida / Estilo » Saúde


10/09/2015 | 13h36min

Alimentos que contribuem para formação de gordura localizada na barriga

Evite refrigerantes, sorvetes e pizzas

Nunca exagere no sorvete. Foto: ReproduçãoNunca exagere no sorvete. Foto: Reprodução

O excesso de peso é um dos principais responsáveis pela barriga saliente, que pode ser causada também por retenção de líquidos, problemas hormonais e genéticos, entre outros. Mas nada influencia tanto no acúmulo de gorduras localizadas quanto a alimentação. Isso acontece porque alguns alimentos vão direto para a região do abdômen. O nutricionista esportivo Helton Finocchio, da Clínica Andrea Santa Rosa, no Rio de Janeiro, lista os principais:

 

Refrigerante normal, diet ou zero

 

A forma como os refrigerantes agem no organismo é maléfica. "Um refrigerante possuiu em média 10 colheres de sopa de açúcar, além de serem repletos de corantes e conservantes", explica. E as versões diet ou zero podem ser ainda piores! "Essas versões contêm adoçantes artificiais que levam a ataques de compulsão alimentar, ansiedade e hiperatividade. E o gás presente pode aumentar a sensação de estufamento abdominal", alerta. 

 

Pizza

 

"A massa da pizza, especial de algumas congeladas, é muito rica em aromatizantes e conservantes, para preservar a sua validade na prateleira por um período maior. Além disso, são ricas em farinhas brancas, gorduras e sódio, que estimula a absorção de glicose, que, quando em níveis aumentados, aumenta produção de células de gordura, em especial abdominal", explica.

 

Sorvetes

 

"Apesar de existirem algumas opções mais saudáveis, a mistura de gordura trans, frutose, saborizantes e aromatizantes, talvez seja a pior mistura! É totalmente inflamatória para quem quer reduzir abdominal", afirma. 

 

Sucos de caixinha

 

"Grande parte dos sucos artificiais são ricos em frutose, substância que, em excesso, no final da metabolização pode gerar gordura no fígado e abdômen", diz.

 

Bebida alcoólica

 

"A maioria das bebidas alcoólicas contém calorias vazias, sem nutrientes. O álcool, quando absorvido, se transforma em açúcar. Em excesso, irá aumentar a inflamação no fígado e tecido adiposo, que irá aumentar a gordura abdominal", finaliza. 


Veja também:


22/06/2017 | 16h48min

» Saúde: Secretários de saúde da região unem forças em busca de avanços e investimentos

22/06/2017 | 09h05min

» Serviço: RG e CPF passam a ser indispensáveis para liberar medicamentos nas unidades de saúde

20/06/2017 | 15h15min

» Saúde: Segue para sanção lei que autoriza venda de medicamentos emagrecedores


Comentários:


Voltar ao topo