No ar:

Ouvir!     

» Geral » Economia


26/07/2018 | 09h49min

Volume de inadimplentes que regularizam dívidas cresce 1,6% em junho, apontam SPC Brasil e CNDL

Entre os que saíram dos cadastros de devedores, maior parte está na faixa de 30 a 49 anos

Embora o resultado seja menor do que o registrado no mês anterior, índice ficou acima do observado em períodos agudos da crise econômica. Entre os que saíram dos cadastros de devedores, maior parte está na faixa de 30 a 49 anos

 

Com a lenta recuperação da economia, o número de consumidores que conseguiram recuperar o crédito ainda é pequeno. Dados do Indicador de Recuperação de Créditomensurado pelo Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil) e pela Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL), em todo o país, mostra um leve crescimento de 1,6% em junho, considerando o acumulado dos últimos em 12 meses. O resultado ficou abaixo do registrado no mês anterior (2,2%), mas ficou acima do observado nos períodos mais agudos da crise, quando houve uma queda da recuperação de crédito.



Ainda que o volume de pessoas que pagaram as dívidas atrasadas tenha aumentado em junho passado, a quantidade de inadimplentes no país segue avançando. E a principal razão para esse cenário são as novas inclusões nos sistemas de proteção ao crédito. Ou seja, se por um lado algumas pessoas vêm quitando suas pendências financeiras, por outro há os que ingressam ou retornam ao cadastro de devedores.


Veja também:


17/11/2018 | 10h18min

» Literatura: Livro mistura suspense e fantasia em reflexão sobre violência no país

17/11/2018 | 10h16min

» Economia: União já pagou este ano R$ 3,5 bi em dívidas atrasadas dos estados

17/11/2018 | 10h14min

» Educação: Estudantes poderão renovar o Fies até o dia 23


Comentários:


Voltar ao topo