No ar:

Ouvir!      Fale com o locutor/mural

» Geral » Direitos humanos


24/03/2017 | 16h14min

Violência contra o idoso em Santiago ainda é preocupante

Hoje, o Creas acompanha mais de cinquenta famílias, muitas delas negligentes no trato com o idoso

Muitos idosos são desrespeitados. Foto: Ieda BeltrãoMuitos idosos são desrespeitados. Foto: Ieda Beltrão

A violência contra o idoso em Santiago ainda é preocupante, frente aos casos que continuam, incluindo aí a violência moral. Conforme Roselene Bitencourt do Centro de Referência em Assistência Social, sempre existe alguém querendo se apropriar do provento de um idoso, mesmo sendo de um salário mínimo.

 

Hoje, o Creas  acompanha mais de cinquenta famílias, muitas delas negligentes no trato com o idoso. O que normalmente se desenha é a desintegração do seio familiar, onde as responsabilidades deixam de existir, recaindo na Assistência Social, fato este considerado preocupante na cidade de Santiago.

 

Por outro lado, o Creas comemora a diminuição dos casos de violência contra as mulheres, registrados no mês passado. Muitas vítimas  procuram espontaneamente o serviço em busca de informações. Roselene aproveitou para informar que o Creas está deixando junto à Delegacia de  Polícia, contatos como telefone e endereço à disposição das mesmas. O objetivo, é possibilitar às famílias uma vida melhor e em harmonia, independente da situação econômica de cada uma delas. Cita que as drogas são alguns dos componentes que levam às pessoas a serem mais violentas


Veja também:


22/11/2017 | 09h49min

» Cidadania: Novo modelo de certidão de nascimento permite inclusão de nome de padrasto

22/11/2017 | 09h40min

» Economia: Preço das hortaliças aumenta em outubro; frutas ficam mais baratas

22/11/2017 | 09h34min

» Loteria: Acumulada, Mega-Sena pode pagar 50 milhões nesta quarta-feira


Comentários:


Voltar ao topo