No ar:
Amanhecer nos Pampas - Luiz Fernando Rocha    05h30min às 06h45min

Ouvir!     Fale com o locutor

» Geral » Educação


10/08/2017 | 09h22min

Uri Santiago terá seu primeiro mestrado em Ciências Ambientais

Previsão de início das aulas é para abril de 2018

Universidade tem importante conquista. Foto: Ieda BeltrãoUniversidade tem importante conquista. Foto: Ieda Beltrão

Uma ótima novidade para a comunidade de Santiago e região: durante coletiva a imprensa nesta quinta-feira (10) os diretores da Uri Santiago divulgaram um excelente notícia Francisco Assis Gorski, Michele Noel Beltrão e Jorge Padilha dos Santos. O primeiro mestrado da Uri Santiago.

 

 

O mestrado em Ciências Ambientais visa desenvolver a capacidade crítica e inovadora dos profissionais da área e prepará-los para trabalhar em equipes multi e interdisciplinares; formar pesquisador com capacidade de contribuir na construção de políticas públicas e no desenvolvimento de novas tecnologias; gerar e difundir conhecimento científico com enfoque na conservação, na minimização de conflitos socioambientais e no uso sustentável de recursos naturais; e atuar no diagnóstico de problemas ambientais, planejando e encaminhando soluções para o desenvolvimento sustentável.

 

Conforme o projeto, o perfil esperado para o egresso do mestrado em Ciências Ambientais é que seja capaz de realizar pesquisas que gerem aperfeiçoamento do conhecimento relacionado às tecnologias sociais, ambientais e sustentáveis, visando à conservação dos recursos naturais, podendo atuar como pesquisador e/ou docente em instituições de ensino superior, na administração pública, iniciativa privada e no terceiro setor, sempre visando a melhoria das condições de vida.

 

A expectativa de inserção no mercado é que seja rápida, visto que o curso localiza-se na região Centro-Oeste do estado, área de economia pautada na agropecuária que apresenta demanda de avaliação e monitoramento.

 

Buscando promover a conexão entre o saber acadêmico e a realidade regional, um mestrado em Ciências Ambientais é de extrema importância na região onde a URI Santiago se insere, estando localizada em um ambiente de intersecção entre dois biomas: o Mata Atlântica ao norte, e o Pampa, ao sul.

 

Participaram da coletiva, o diretor geral do câmpus, professor Francisco Gorski, a diretora acadêmica, professora Michele Noal Beltrão, o diretor administrativo, Jorge Padilha dos Santos, e a coordenadora, professora Vanessa.

 

Mais informações:

 

Vagas: A URI Santiago estará oferecendo 20 vagas.

 

Coordenadora: A coordenadora pro tempore do mestrado é a professora Vanessa Baptista, professora doutora da universidade.

 

Aulas: A URI Santiago está trabalhando pra concentrar as aulas, na maioria, em no máximo, dois dias da semana. A previsão é de que as aulas iniciem no mês de abril.

 

Público alvo: Egressos dos cursos de Ciências Biológicas, Agronomia, Engenharia Ambiental, Filosofia, Psicologia, Medicina Veterinária, Zootecnia, Farmácia, Química e demais áreas afins.

 

Área de concentração: Meio Ambiente e desenvolvimento

 

Linhas de pesquisa: Ambiente e Sociedade

 

 


Veja também:


16/08/2017 | 12h04min

» : Museu Pedro Palmeiro vai envolver estudantes e comunidade com programação sobre folclore

16/08/2017 | 11h55min

» Obras: Liberados mais recursos para obras de asfaltamento em Santiago

16/08/2017 | 11h29min

» Trânsito: Carreta carregada de soja tomba na BR 287, perto da ponte do Rio Tigre, em Jaguari


Comentários:


Voltar ao topo