No ar:

Ouvir!     Fale com o locutor

» Geral » Pesquisa


02/04/2017 | 10h50min

Soro contra veneno de abelhas começa a ser testado em humanos

Estimativa é que 50 pessoas morrem por ano no Brasil em decorrência de múltiplas picadas de abelhas

Foto: Ieda BeltrãoFoto: Ieda Beltrão

A primeira fase de testes do soro antiapílico - para combater o veneno das abelhas – chegou à metade do estudo nessa sexta-feira, 31. O décimo paciente picado pelos insetos recebeu o soro no período de estudo clínico, quando a medicação é testada em seres humanos.

 

Esta fase do Estudo APIS teve início em fevereiro de 2016 e precisa alcançar 20 pacientes nesta primeira etapa, que tem por objetivo avaliar a segurança do soro.

 

As pesquisas para se chegar a soro começaram há quatro anos, por meio de um consórcio entre o Centro de Estudos de Venenos e Animais Peçonhentos da Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho (Cevap/Unesp) e o Instituto Vital Brasil.

 

A estimativa é que 50 pessoas morrem por ano no Brasil em decorrência de múltiplas picadas de abelhas.


Veja também:


29/05/2017 | 16h54min

» Meio Ambiente: Semana de Ações Ambientais envolverá escolas e comunidade de Santiago

29/05/2017 | 16h33min

» Cidadania: Meninos e meninas dos abrigos de Santiago ganharão sala jogos e leitura

29/05/2017 | 16h19min

» Saúde: Portaria autoriza uso de antirretroviral para prevenção ao HIV


Comentários:


Voltar ao topo