No ar:
Baita Chão - Marco Antônio Nunes e Marcelo Peronio    15h00min às 16h00min

Ouvir!     

» Geral » Eleições 2018


22/05/2018 | 15h11min

Santiago já ultrapassa a 40 mil eleitores

A partir do dia 5 de junho, será divulgado o eleitorado brasileiro, de cada estado e município

Foto: Ieda BeltrãoFoto: Ieda Beltrão

Encerrada no dia 9 de maio a movimentação do cadastro eleitoral, 150 dias antes da eleição que acontecerá em outubro. A partir daí são feitas todas as transferências e alistamentos, visando organizar as sessões eleitorais e cadernos de votação.

 

No cartório da 44ª zona eleitoral, com sede em Santiago, vários eleitores procuraram o cartório para deixar tudo em dia. Apesar da fila a equipe conseguiu atender normal cada eleitor.

 

 A partir de então o cadastro foi encerrado. Agora o eleitor somente poderá requerer segunda via do título, que em nada altera o processo, além do pagamento de multa para quem faltou a eleição.

 

Conforme o chefe do cartório, Gidião Damian,  que compreende os municípios de Santiago, Unistalda, Capão do Cipó e Itacurubi, a partir de agora é feita a vistoria nos locais de votação a fim de verificar as condições dos mesmos para receberem as sessões eleitorais. Também  está sendo trabalhada a convocação e treinamento de mesários. Para ser mesário voluntário é só procurar o cartório ou entrar na página do Tribunal Regional Eleitoral.

 

E a partir do dia 5 de junho, será divulgado o eleitorado brasileiro, de cada estado e município.  Santiago já ultrapassa a 40 mil eleitores, dos poucos mais de 39 mil existentes e não terá voto impresso, a exemplo de  outras cidades. “Isso decorre pela falta de urnas”, acrescenta  Gidião Damian.


Veja também:


23/05/2019 | 09h09min

» Música: Inscrições prorrogadas para o 1º Canto Universitário da URI

22/05/2019 | 13h41min

» Educação: Sabedoria de dona Zeni sobre plantas medicinais encantou alunos da escola João Evangelista

22/05/2019 | 11h19min

» Oportunidade: Aplicador de inseticida é uma das vagas do Sine de Santiago


Comentários:


Voltar ao topo