No ar:
Olho Vivo - Jones Diniz    08h10min às 09h55min

Ouvir!     

» Geral » Meio Ambiente


22/05/2018 | 09h24min

Santiago: agentes de saúde intensificam o trabalho de eliminação de focos do "mosquito da dengue"

Mais de 60 agentes de saúde estão trabalhando na verificação e eliminação de criadouros

Focos estão sendo exterminados. Foto: Márcio Brasil/Núcleo de Comunicação da Prefeitura de Santiago/DivulgaçãoFocos estão sendo exterminados. Foto: Márcio Brasil/Núcleo de Comunicação da Prefeitura de Santiago/Divulgação

Após a confirmação de um caso de chikungunya em Santiago, não há mais tempo nenhum a perder na batalha contra o Aedes aegypti. Depois de nascer, são 10 dias para o Aedes Aegypti chegar à fase adulta. Para se reproduzir, ele precisa de água parada e se alimenta de substâncias de contenham açúcar, como flores. Para botar os ovos, a fêmea precisa de sangue. O ciclo de vida é de 30 dias, sendo que neste período uma fêmea é capaz de botar mil ovos. Como se trata de um ciclo curto, é recomendável eliminar criadouros uma vez na semana, pois os ovos resistem até 450 dias sem água. 

 

A Prefeitura quer vencer essa guerra contra o mosquito e mais de 60 agentes de saúde estão trabalhando na verificação e eliminação de criadouros. Conforme a secretária de Saúde, Gisélle Kolinski Ribeiro, neste primeiro momento as varreduras estão acontecendo no centro e também nos bairros Itu, São Vicente, São Jorge, Maria Alice Gomes e Alto da Boa Vista. Em dois locais do centro, que resultaram nas suspeitas e na pessoa infectada, houve aplicação de inseticida.

 

Multas serão aplicadas

 

A Secretaria de Gestão mobilizou o seu comitê de inteligência fiscal para dar dar suporte ao trabalho dos agentes comunitários em relação às denúncias de terrenos sujos. Os proprietários de locais denunciados serão autuados e devem resolver o problema em até 15 dias. Se não fizer, após o 16º a multa, de R$ 1.110 a R$ 2.220, passa a valer. Se em até 60 dias o pátio ou terreno continuar sujo, o valor da multa dobra. Conforme o secretário municipal Éldrio Machado, serão 11 agentes fiscais vão fazer parte desta força-tarefa.


Veja também:


17/06/2018 | 15h22min

» Economia: Preço do aluguel residencial sobe em maio, mas fica abaixo da inflação para o mês

17/06/2018 | 14h24min

» Agricultura: Clima favorece implantação das culturas de inverno no Rio Grande do Sul

17/06/2018 | 14h20min

» Saúde: Frio aumenta em 30% chances de internação por problemas cardíacos


Comentários:


Voltar ao topo