No ar:
Santiago Atualidade - Paulo Pinheiro    10h00min às 11h45min

Ouvir!     Fale com o locutor

» Geral » Religião


20/07/2017 | 13h38min

Representantes de paroquias e dioceses, incluindo padres, bispos participam da missa de posse do novo bisco, Dom José Mário

Uma igreja participativa e atuante, assim o bispo de Uruguaiana pretende nortear seu trabalho

Dom José Mário Scalon Angonese. Foto: DivulgaçãoDom José Mário Scalon Angonese. Foto: Divulgação

Representantes de diversas paroquias e dioceses, incluindo padres, bispos (de diversas cidades do Brasil),  leigos e familiares participam nesta quinta, no final da tarde, na catedral de Uruguaiana da missa de posse, de Dom José Mário, como Bispo da Diocese de Uruguaiana.

 

Dom José Mário, iniciou o bispado no dia 20 de fevereiro de 2013, quando o papa Bento XVI  o nomeou Bispo Titular de Guif e Auxiliar da Arquidiocese de Curitiba – PR, tendo sido ordenado Bispo no Santuário Basílica da Medianeira. No dia 31 de maio de 2017, às vésperas de completar 57 anos, foi nomeado pelo Papa Francisco Bispo Titular da Diocese de Uruguaiana.

 

Dom José Mário Scalon Angonese nasceu no dia 01 de junho de 1960, em Unistalda – RS (na época, distrito do município de Santiago). É terceiro dos seis filhos  de  Roberto Antônio Angonese e Henrica Scalon Angonese (in memorian). Cresceu em Nova Esperança do Sul, onde  reside boa parte de seus familiares.

 

Uma igreja participativa e atuante, assim o bispo de Uruguaiana pretende nortear seu trabalho. 

 

Logo após a missa haverá uma confraternização, reunindo convidados. Até então  a diocese de Uruguaiana estava sob a responsabilidade do administrador diocesano, padre Flávio Bordon Soares.


Veja também:


18/08/2017 | 17h33min

» Segurança: "Ninguém vai vender areia no deserto", disse o delegado Charles sobre o consumo de drogas

18/08/2017 | 17h25min

» Semana Farroupilha: Definida a programação da Semana Farroupilha em Santiago

18/08/2017 | 16h59min

» Economia: Supermercados e hipermercados poderão voltar a funcionar aos domingos e feriados


Comentários:


Voltar ao topo