No ar:
Terra Nativa - Luiz Fernando Rocha    07h00min às 08h00min

Ouvir!     

» Geral » Educação


17/02/2018 | 15h19min

Pela primeira vez, Exército recebe mulheres na Aman para ensino militar bélico

Este ano, 33 alunas foram recebidas na Academia Militar das Agulhas Negras

Pela primeira vez na história do Exército Brasileiro, as mulheres poderão se tornar oficiais combatentes e chegar à patente de general e até ao comando do Exército. Este ano, 33 alunas foram recebidas na Academia Militar das Agulhas Negras (Aman), em Resende, no estado do Rio de Janeiro, e serão as pioneiras na linha de ensino militar bélico da força.


 

No fim de janeiro, elas foram recebidas na academia, oriundas da Escola Preparatória de Cadetes do Exército (EsPCEx), para o período de adaptação e, neste sábado(17), entraram oficialmente na Aman, na cerimônia de passagem dos novos cadetes pelo Portão Monumental. Somente após essa cerimônia, o aluno passa a ser chamado de cadete e, após o curso de quatro anos de formação de oficial combatente, é declarado como aspirante a oficial.

 

Em entrevista à Agência Brasil, a aluna Ana Luiza Santana, de 19 anos, disse que o primeiro ano na EsPCEx foi muito gratificante. “Saí de lá bem melhor que entrei”, disse. “Homens e mulheres têm pontos de vista diferentes sobre os mesmos assuntos. Isso pode acrescentar ao Exército”, ressaltou Luiza ao comentar a decisão do Exército em aceitar as mulheres na linha bélica. “Está sendo uma vitória para mim. A formação é difícil, mas eu sinto que consigo me superar a cada dia”.

 

Segundo o subcomandante da Aman, coronel Sebastião Roberto de Oliveira, há quase 30 anos, o Exército tem comandantes e oficiais mulheres nas áreas de tecnologia, saúde e educação, por exemplo. “Já não nos estranha a presença feminina, encaramos de forma natural. Há uma integração positiva entre eles. Agora vão estar mais na frente de combate”, disse.

 

EBC


Veja também:


18/09/2018 | 15h11min

» Educação: Projeto "Escola que Faz, professor que acontece" será defendido em congresso internacional

18/09/2018 | 15h07min

» Turismo: Porto-alegrenses ficam encantados com o Memorial da Poesia

18/09/2018 | 11h52min

» Saúde: Faltou pouco para Santiago atingir a meta de vacinação contra a polio e o sarampo


Comentários:


Voltar ao topo