No ar:

Ouvir!     

» Geral » Saúde


11/04/2018 | 08h52min

Outono traz aumento dos problemas respiratórios em crianças

Pneumologista explica quais os motivos para maior proliferação de vírus nesta época do ano

Foto: Ieda BeltrãoFoto: Ieda Beltrão

O começo do outono traz os primeiros dias frios do ano e, junto com a queda na temperatura, chegam as temidas doenças respiratórias. O pneumologista pediátrico da Sociedade de Pediatria do Rio Grande do Sul (SPRS), Paulo Márcio Condessa Pitrez, explica que os vírus respiratórios começam a circular nesta época do ano e é bem provável que a grande maioria das crianças tenham alguns sintomas podendo ser moderados ou mais graves.

 

- É comum que as crianças peguem um resfriado ou uma gripe nesta época do ano. As campanhas de vacinação ainda não iniciaram e o estado é um dos primeiros a sentir os efeitos do outono. As crianças circulam em ambientes propícios, como escolinhas e creches. Nestes locais, é difícil controlar a entrada do vírus, pois os pequenos usam os mesmos utensílios e brincam em conjunto. Não tem muito o que fazer, apenas cuidar para que, em casa, não tenha contato com pessoas doentes, como avós e tios – salienta.

 

O pneumologista alerta para que todas as crianças sejam vacinadas quando iniciar a campanha de imunização. Assim, evita-se que a gripe seja tão severa e ajuda a ajuda a não propagar a gripe entre o público infantil.

 

- É importante diferenciar. O resfriado é mais leve, com sintomas como tosse e resfriado. Já a gripe traz dor intensa no corpo, calafrios pelo corpo, febre e risco de pneumonia. Nos casos em que a criança tiver sintomas de gripe, o ideal é que os pais levem em um pediatra. A emergência pode ser usada em casos em que o filho não consegue respirar, por exemplo, ou quando a febre não passar mesmo após tomar um antitérmico – destaca.

 

Outros sintomas da gripe, segundo o pediatra, são a irritabilidade do bebê, criança que não para de chorar e prostração. Além disso, uma medida aconselhada é evitar levar o filho para a escolinha ou para creche quando estiver doente.

 


Veja também:


20/07/2018 | 15h48min

» Meio Ambiente: Lavagem dos contêineres será feita todo o mês

20/07/2018 | 15h40min

» Meio Ambiente/Pecuária: Sistema Silvipastoril volta a ser alternativa para o cultivo de materiais florestais

20/07/2018 | 15h33min

» Denúncia: Abandono de animais cresce em Santiago; adoção é incentivada


Comentários:


Voltar ao topo