No ar:

Ouvir!     Fale com o locutor

» Geral » Saúde


10/03/2017 | 15h41min

Número de cesarianas cai pela primeira vez no Brasil

No ano passado, segundo a pasta, dados preliminares indicam tendência de estabilização do índice, que ficou em torno de 55,5%

Foto: DivulgaçãoFoto: Divulgação

Pela primeira vez desde 2010, o número de cesarianas na rede pública e privada de saúde não cresceu no país. Dados divulgados pelo Ministério da Saúde revelam que esse tipo de procedimento, que apresentava curva ascendente, caiu 1,5 ponto percentual em 2015. Dos 3 milhões de partos feitos no Brasil no período, 55,5% foram cesáreas e 44,5%, partos normais.

 

Os números mostram ainda que, considerando apenas partos realizados no Sistema Único de Saúde (SUS), o percentual de partos normais permanece maior – 59,8% contra 40,2% de cesarianas. No ano passado, segundo a pasta, dados preliminares indicam tendência de estabilização do índice, que ficou em torno de 55,5%.

 

Esta semana, o governo anunciou novas diretrizes de assistência ao parto normal, que servirão de consulta para profissionais de saúde e gestantes. “A partir de agora, toda mulher terá direito de definir o seu plano de parto, que trará informações como o local onde será feito, as orientações e os benefícios do parto normal”, informou o ministério.

 

 


Veja também:


19/09/2017 | 14h08min

» Polícia: Escola é alvo de arrombamento e furto em Santiago

19/09/2017 | 14h05min

» Oportunidade: Tem uma vaga de cozinheiro no Sine de Santiago

19/09/2017 | 11h29min

» Trânsito: Duas pessoas ficam feridas em colisão entre caminhão e carri na BR 287


Comentários:


Voltar ao topo