No ar:

Ouvir!     

» Geral » Imigração Japonesa 110 anos


20/06/2018 | 16h28min

Museu Pedro Palmeiro resgata história da Família Kaneda

Chegaram em Santiago em janeiro de 1982 onde iniciaram seus trabalhos com fruteira e floricultura

Família Kaneda em Santiago. Foto: Divulgação/Museu Pedro PalmeiroFamília Kaneda em Santiago. Foto: Divulgação/Museu Pedro Palmeiro

Em comemoração aos 110 anos da imigração japonesa, o Museu Municipal Pedro Palmeiro busca resgatar um pouco da história de uma família radicada em Santiago.


De acordo com informações levantadas pelo coordenador do Museu, Vanderlei Almeida, Hiroaki Kaneda chegou ao Brasil em abril de 1967, em companhia dos pais Noryuri Kaneda e Mihono Kaneda e dois irmãos abordo do navio " Africa- Maro", juntamente com oito famílias japonesas, inclusive a esposa Mieko Kaneda.


Instalaram- se primeiramente em Uruguaiana onde iniciaram as atividades na granja arrozeira de Embaixador Batista Luzardo. Residiram também em Santa Maria, São Gabriel e na cidade de Venâncio Aires, onde moraram por 34 anos, sempre com comércio de frutas.


Chegaram em Santiago em janeiro de 1982 onde iniciaram seus trabalhos com fruteira e floricultura, onde até hoje residem e exercem tal atividade.
 


Veja também:


22/09/2018 | 20h02min

» Trânsito: Multas por uso de celular ao volante crescem 33% em 2018

22/09/2018 | 11h06min

» Denúncia: Em Santiago, idoso é encontrado em situação de total abandono

22/09/2018 | 10h53min

» Violência: Idoso é agredido com golpes de relho em Santiago


Comentários:


Voltar ao topo