No ar:
Santiago Atualidade - Paulo Pinheiro    10h00min às 11h25min

Ouvir!     

» Geral » Trânsito


23/06/2018 | 10h57min

Motociclista sofre lesões graves após colidir na traseira de um carro em Santiago

Veículos trafegavam em direção a Unistalda quando motocicleta colidiu na traseira do automóvel

Foto: Polícia Rodoviária Federal/DivulgaçãoFoto: Polícia Rodoviária Federal/Divulgação

Na tarde da última sexta-feira (22), a Polícia Rodoviária Federal (PRF) foi acionada para atender acidente no Km 407 da BR 287, onde às 15h o condutor de uma motocicleta Honda CG 150, com placas de Alegrete, colidiu na traseira de um Ford Del Rey, de Unistalda.

 

Com o impacto o condutor da motocicleta, de 55 anos, morador de Unistalda, foi arremessado para o acostamento, a uma distância de 18m do ponto de colisão, causando lesões graves, inclusive com fratura exposta na Tíbia esquerda, sendo socorrido pelo Corpo de Bombeiros e encaminhado ao Hospital de Caridade de Santiago. O condutor do outro veículo, também de Unistalda, não sofreu lesões.

 

Em análise dos vestígios, verificou-se que, antes do acidente, o pneu traseiro direito do automóvel estourou, reduzindo a velocidade do veículo, sendo que a motocicleta, que seguia atrás, acabou colidindo na sua traseira. Após o socorro da vítima os veículos foram encaminhados ao depósito credenciado à disposição da perícia da Policia Judiciária.

 

A PRF salienta aos condutores a necessidade da manutenção preventiva dos veículos, que sejam verificadas todos os itens de segurança antes de qualquer deslocamento, e durante o trajeto, devem sempre ser adotadas medidas de direção defensiva, entre elas manter-se uma distância de segurança entre o seu veículo e o que desloca mais a frente.


Veja também:


26/09/2018 | 09h24min

» Eleições 2018: Acaba nesta quinta o prazo para tirar segunda via do título de eleitor

26/09/2018 | 08h56min

» Economia: Agências da Caixa abrirão mais cedo para atender cotistas do PIS

26/09/2018 | 08h49min

» Uri Santiago: Projeto Aprendizado Jurídico acontece na primeira semana de outubro


Comentários:


Voltar ao topo