No ar:
Geração 2000 - Jones Diniz    20h10min às 23h59min

Ouvir!     

» Geral » Economia


28/08/2017 | 14h37min

Lei de Diretrizes Orçamentária: previsão orçamentária para 2018 é de R$ 167 milhões

Apesar do otimismo para o próximo ano, prefeito de Santiago disse que a instabilidade na arrecadação de tributos, dos governos estadual e federal ainda é preocupante

Prefeito Tiago Gorski. Foto: Ieda BeltrãoPrefeito Tiago Gorski. Foto: Ieda Beltrão

O prefeito  Tiago Gorski fez a entrega na Câmara de Vereadores da Lei de Diretrizes Orçamentária (LDO) com previsão orçamentária, para 2018, de R$ 167 milhões, com os maiores percentuais para a  Educação, 25% e  Saúde 15%.

 

De acordo com o prefeito de Santiago a administração está trabalhando muito para fomentar, cada vez mais investimentos nestes setores prioritários, mas também na parte habitacional e desenvolvimento econômico, urbano e rural, pavimentações e asfaltamentos.

 

Apesar do otimismo para 2018, Gorski disse que a instabilidade na arrecadação de tributos, dos governos estadual e federal ainda é preocupante.

 

 Até hoje, dia 28 de agosto, o município ainda não recebeu  do governo federal, R$ 400 mil para a Secretaria de Desenvolvimento Social, o que obriga a administração a trabalhar de forma equilibrada para conseguir mantendo o pagamento de fornecedores e servidores.

 

Mesmo assim obras de melhoramento continuam, informando que está buscando uma linha de crédito no Badesul para reforço no parque de máquinas, como a compra de um compactador para ser usado nas estradas do interior e com isso garantir a vida útil destas vias.


Veja também:


24/02/2018 | 13h41min

» Economia: Clientes do Banco do Brasil poderão usar Facebook para fazer transações bancárias

24/02/2018 | 13h39min

» Sustentabilidade: Uso da água e desigualdade na oferta precisam ser discutidas, diz especialista

24/02/2018 | 12h40min

» Meio Ambiente: Famílias se sustentam com a reciclagem do lixo em Santiago


Comentários:


Voltar ao topo