No ar:
Pátria e Querência - Paulo Pinheiro    15h30min às 17h00min

Ouvir!     

» Geral »


06/06/2017 | 10h02min

Inscrições para o ProUni do segundo semestre começam nesta terça

Só pode participar do processo seletivo o candidato brasileiro que não tenha diploma de curso superior e que tenha feito Enem de 2016

Começam nesta terça, 6, as inscrições para o Programa Universidade para Todos (ProUni) do segundo semestre de 2017. Até sexta-feira, 9, os estudantes interessados podem consultar as bolsas oferecidas e se inscrever na página do ProUni na internet.

 

O Ministério da Educação (MEC) ainda não confirmou os números desta nova edição, mas informou que não deverão ficar distantes dos registrados no mesmo período de 2016, quando foram oferecidas 125.442 bolsas, sendo 57.092 integrais e 68.350 parciais, distribuídas em 22.967 cursos de 901 instituições privadas.

 

O ProUni é voltado para estudantes da rede pública ou bolsistas integrais de escolas particulares. Também estão incluídas as pessoas com deficiência e professores da educação básica em escolas públicas, que compõem o quadro de pessoal permanente da instituição. Só pode participar do processo seletivo o candidato brasileiro que não tenha diploma de curso superior e que tenha feito o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) de 2016.

 

O estudante pode concorrer a uma bolsa integral se sua renda familiar bruta mensal per capita não exceder a 1,5 salário mínimo. No caso da bolsa parcial, a renda familiar por pessoa não pode ser maior que três salários mínimos. O ProUni tem ações conjuntas de incentivo à permanência nas instituições, como o Fundo de Financiamento Estudantil (Fies), que permite ao bolsista parcial financiar a parte da mensalidade não coberta.


Veja também:


26/04/2018 | 15h43min

» Economia: Magazine Luíza confirma data de inauguração em Santiago e o número de contratados

26/04/2018 | 14h41min

» Empresa: Farmácias Associadas lança kit exclusivo para celebrar o Dia das Mães

26/04/2018 | 11h19min

» Consumidor: Promotoria chama atenção para preços nos produtos


Comentários:


Voltar ao topo