No ar:

Ouvir!      Fale com o locutor/mural

» Geral » Trânsito


07/10/2017 | 15h12min

Fica proibido o uso de bicicletas motorizadas por crianças ou adolescentes em Santiago

Conselho de trânsito esteve reunido. Adultos não habilitados também estarão sujeitos a algumas medida legais

Bicicletas motorizas representam risco nas ruas. Foto: Ieda BeltrãoBicicletas motorizas representam risco nas ruas. Foto: Ieda Beltrão

Em Santiago, na manhã da última desta sexta-feira (6), o Conselho Municipal de Trânsito esteve reunido para discutir ações urgentes a serem adotadas pelos órgãos de fiscalização, sobre a condução de bicicletas motorizadas (motor a gasolina) em via pública.

 

O encontro realizado no auditório Caio Fernando Abreu, anexo a Câmara de Vereadores, discutiu os vários casos de crianças e adolescentes flagrados na direção das bicicletas motorizadas colocando em risco a segurança de todos.


 
A preocupação decorre do enorme risco que esses jovens se expõem no trânsito. Principalmente, os que realizam manobras perigosas.


 
O delegado Charles Dias do Nascimento, Chefe da 21ª região Policial, afirmou que a Delegacia dos Delitos de Trânsito adotará todas as providências cabíveis, havendo a apreensão de adolescente na direção deste tipo de ciclomotor. Inclusive decorrendo responsabilidade criminal para o proprietário, pai ou responsável que entregar o veículo a menores de 18 anos.


 
A Guarda Municipal de Trânsito apresentou fotos registradas pelos controladores de velocidade em alguns pontos da cidade. Claramente pode-se identificar um adolescente conduzindo bicicleta motorizada, sem usar capacete ou qualquer equipamento de proteção. O equipamento registrou velocidade acima dos 50km/h.


 
Por sugestão de membros do Conselho, uma campanha de conscientização ganhará espaço nas redes sociais e meios de comunicação. Como forma de alertar os pais, responsáveis e os próprios jovens sobre os riscos decorrentes do uso das bicicletas motorizadas. Adultos não habilitados também estarão sujeitos a algumas medida legais.


 
Caso uma criança ou adolescente seja flagrada na direção das bicicletas motorizadas em via pública, ocorrerá a sua apreensão por ato infracional, além da apreensão do veículo.  Os pais ou responsáveis serão acionados a comparecer na Delegacia de Polícia.


 
Estas e outras providências têm como principal objetivo evitar que acidentes graves, inclusive com morte, ocorram nas ruas de Santiago. É importante que jovens, pais ou seus responsáveis tenham consciência do risco que a condução das bicicletas motorizadas por pessoas não habilitadas proporciona.
 
 


Veja também:


10/12/2017 | 14h16min

» Economia: Índices apontam melhora da economia, mas consumidor ainda está receoso em gastar

10/12/2017 | 14h15min

» Loteria: Mega-Sena acumula e próximo prêmio pode chegar a R$ 33 milhões

10/12/2017 | 14h10min

» Gente: Morre a atriz Eva Todor, aos 98 anos


Comentários:


Voltar ao topo