No ar:
Geração 2000 - Jones Diniz    20h10min às 23h59min

Ouvir!     

» Geral » Saúde


21/01/2018 | 14h16min

Especialista diz que doenças vasculares aumentam em até 30% no verão

De acordo com os números, normalmente elas são associadas a varizes

Verão de muito calor. Foto: Ieda BeltrãoVerão de muito calor. Foto: Ieda Beltrão

Dados da Sociedade Brasileira de Angiologia e de Cirurgia Vascular, seção Rio de Janeiro (SBACV-RJ), indicam que as altas temperaturas, comuns da época do verão, aumentam entre 20% e 30% o risco de doenças vasculares, ou venosas, nos membros inferiores. De acordo com os números, normalmente elas são associadas a varizes.

 

“O motivo de as altas temperaturas piorarem as doenças vasculares no verão é porque o calor provoca vasodilatação, ou seja, a dilatação dos vasos sanguíneos, com uma sobrecarga nas veias dos membros inferiores”, afirmou o presidente da SBACV-RJ, Breno Caiafa.

 

Segundo ele, pessoas com doença vascular prévia tendem a piorar no verão, enquanto as demais podem sentir edemas, dores nas pernas, cansaço, peso, caimbra, ressecamento da pele e coceira, “tudo provocado pelo calor”.

 

Desidratação

 

Breno Caiafa explicou que nesse período aumenta a secreção de suor e isso pode ser associado à desidratação. Lembrou ainda que, como estão em férias, muitas pessoas desregulam sua alimentação, ampliando o consumo de sal e de bebidas alcoólicas, que também agravam os sintomas vasculares.

 

Para Caiafa, a população brasileira é propensa a ter varizes. A estimativa é que isso ocorra em 35% da população, envolvendo todas as faixas etárias. Avaliando apenas a população adulta, o percentual pode chegar até 70% de mulheres e a 50% de homens.

 

Para evitar o agravamento dos sintomas no verão, Caiafa informou que o ideal é que as pessoas com doença vascular procurem um angiologista ou cirurgião para um tratamento anterior à chegada da estação, a fim de, pelo menos, receber orientação.

 

 


Veja também:


17/11/2018 | 10h18min

» Literatura: Livro mistura suspense e fantasia em reflexão sobre violência no país

17/11/2018 | 10h16min

» Economia: União já pagou este ano R$ 3,5 bi em dívidas atrasadas dos estados

17/11/2018 | 10h14min

» Educação: Estudantes poderão renovar o Fies até o dia 23


Comentários:


Voltar ao topo