No ar:

Ouvir!     Fale com o locutor

» Geral » Meio Ambiente


13/04/2017 | 14h20min

Dois mil litros de óleo de cozinha utilizado foram recolhidos em Santiago

O descarte incorreto do produto usado é meio de contaminação do meio ambiente

Foto: DivulgaçãoFoto: Divulgação

O óleo de cozinha utilizado para fritar peixes nesta semana Santa pode ser transformado. Para evitar que as significativas quantidades sejam jogadas fora prejudicando o ecossistema, a Secretaria do Meio Ambiente está solicitando à população que armazene em garrafa pet e posteriormente entregue na referida secretaria, ou no posto de coleta no salão paroquial da igreja matriz.

 

O óleo é recolhido de Santiago pela empresa Alto Uruguai – reciclagem de óleos vegetais e transformado em biodiesel, sabão e até em ração animal. De acordo com a Secretaria de Meio Ambiente, de janeiro a março deste ano, 2 mil litros foram levados de Santiago.

 

O descarte incorreto do óleo de cozinha usado é meio de contaminação do meio ambiente, podendo poluir as águas, o solo e até mesmo a atmosfera.  São muitos os prejuízos econômicos e ambientais quando o consumidor não é consciente e despeja indevidamente o óleo de cozinha usado na rede de esgoto ou nos lixões.

 

Ao ser despejado na pia ou no vaso sanitário, o óleo usado passa pelos canos da rede de esgoto e fica retido em forma de gordura. Isso é ruim porque atrai pragas que podem causar várias doenças, tais como leptospirose, febre tifoide, cólera, salmonelose, hepatites, esquistossomose, amebíase e giardíase. Essas doenças podem ser transmitidas para humanos e animais.

 

  Para se ter uma ideia, 1 litro de óleo de cozinha usado pode poluir cerca de 1 milhão de litros de água, o que é aproximadamente consumido por uma pessoa em 14 anos.


Veja também:


29/05/2017 | 16h54min

» Meio Ambiente: Semana de Ações Ambientais envolverá escolas e comunidade de Santiago

29/05/2017 | 16h33min

» Cidadania: Meninos e meninas dos abrigos de Santiago ganharão sala jogos e leitura

29/05/2017 | 16h19min

» Saúde: Portaria autoriza uso de antirretroviral para prevenção ao HIV


Comentários:


Voltar ao topo