No ar:

Ouvir!     

» Geral » Saúde


17/04/2018 | 15h49min

Câmara de Vereadores tenta reativar serviço de necropsia permanente em Santiago

Presidente Décio Loureiro tem reunião com o Secretario de Segurança do RS, Cezar Schirmer

Foto: Ieda BeltrãoFoto: Ieda Beltrão

O presidente da Câmara de Vereadores de Santiago, Décio Loureiro (PP) disse nesta terça (17), que a Mesa Diretora vai atrás de um beneficio que foi tirado de Santiago, ao se referir sobre a atuação dos médicos legistas.

 

Lembra que desde fevereiro deste ano o serviço de necropsia está sendo feito somente nas segundas e aos sábados. Se alguma morte trágica ocorrer fora destes dias a necropsia será feita somente em São Gabriel, Santa Maria ou São Borja.

 

Décio tem reunião amanhã, às 9 horas, com o titular da Secretaria de Segurança do RS, Cesar Shirmer  e às 10 horas com Marilia Ribas, que é chefe do Departamento de Perícias do Interior,  para tentar reverter esta situação e manter a disposição o atendimento total e não periódico. Lembrou que a luta pelo segundo médico legista começou em 2013 e que Santiago tem toda a infraestrutura de atendimento, como já vinha sendo feito.

 

A decisão do governo do Estado em deixar somente dois dias para necropsia em Santiago se deu em função da exoneração ou aposentadoria de médicos legistas de Santa Maria.

 

O vereador Décio aproveitou para informar que os custos de traslado de corpos para necropsia não pode ser cobrado dos familiares das vítimas. 

 

A despesa, segundo ele, é custeada pelo Sindicato das Funerárias, que posteriormente é ressarcido pelo Governo do Estado.


Veja também:


18/12/2018 | 16h51min

» Trânsito: Abertura da rua Felipe Lopes é uma conquista para moradores do bairro Itu a arredores

18/12/2018 | 16h44min

» Educação: Divulgados os premiados no "Escola que faz, professor que acontece"

18/12/2018 | 16h40min

» Habitação: Em Santiago, projeto de 300 casas está pronto e só aguarda autorização para o início


Comentários:


Voltar ao topo