No ar:
Plantão Gaúcha - Rede Gaúcha Sat    22h00min às 23h59min

Ouvir!     Fale com o locutor

» Esporte » Copa Santiago


21/01/2017 | 11h52min

Palmeiras goleia e elimina o Atletico Santa Cruz

Verdão aplicou 6 a 0 e disparou na liderança do grupo A

Classificado, Palmeiras tem o melhor ataque da competição até o momento. Foto: Ieda BeltrãoClassificado, Palmeiras tem o melhor ataque da competição até o momento. Foto: Ieda Beltrão

Em jogo realizado na manhã deste sábado, 21, em Nova Esperança do Sul, o Palmeiras venceu o Atletico Santa Cruz da Bolívia por 6 a 0. Com o resultado o time paulista disparou na liderança do grupo A. O resultado elimina os bolivianos da 29ª Copa Santiago de Futebol Juvenil.

 

Na primeira etapa o Santa Cruz conseguiu repetir a atuação do jogo anterior diante do Cruzeiro e segurou o 0 a 0. Uma das melhores campanhas da competição, o Palmeiras voltou decidido para a segunda etapa e com 10 minutos de bola rolando já vencia por 3 a 0. Em uma partida marcada pelo grande números de cartões (11 amarelos e um vermelho), o Verdão ampliou naturalmente, chegando aos 6 a 0, com gols de Patrick (2), Fernando, Papagaio, Kaíque e Afonso.

 

Com 10 pontos, o Palmeiras encerra sua participação na primeira fase da Copa Santiago com a liderança provisória do grupo. Com 10 pontos ganhos os paulistas já estão garantidos nas quartas de final e aguardam os demais jogos do grupo para confirmar o primeiro lugar do grupo. Para tanto, torce por um empate logo mais entre Tubarão e Cruzeiro, equipes que também podem atingir a mesma pontuação. Para completar os números positivos, o Palmeiras é dono do melhor ataque da Copa, com 16 gols marcados em quatro jogos. A defesa verde também é destaque com apenas um gol sofrido.


Veja também:


22/03/2017 | 09h25min

» Educação: Projeto Natação Escolar realiza encontro com pais de alunos

20/03/2017 | 17h07min

» Gauchão: Maicon pode voltar ao time do Grêmio contra o Juventude

19/03/2017 | 10h03min

» Gauchão 2017: Inter vence São Paulo-RS e sobe na tabela


Comentários:


Voltar ao topo