No ar:
Ponto de Vista - Jones Diniz    10h00min às 12h00min

Ouvir!      Fale com o locutor/mural

» Entretenimento » Cinema


10/11/2015 | 15h56min

"Jogos Vorazes: A Esperança - O Final" é o lançamento mais esperado pelos americanos

Último longa da saga estrelada por Jennifer Lawrence. Foto: DivulgaçãoÚltimo longa da saga estrelada por Jennifer Lawrence. Foto: Divulgação

O lançamento mais esperado do ano pelos americanos é “Jogos Vorazes: A Esperança – O Final”, superando inclusive “Star Wars: O Despertar da Força”. A informação, divulgada pela revista Variety, vem de uma pesquisa realizada pela Piedmont Media Research, uma empresa especializada em rastrear o desejo dos consumidores e que criou um ranking das estreias anuais dos cinemas.



Os dois filmes citados tiveram uma alta pontuação no ranking da companhia, que computa a expectativa do público em uma escala de vai de zero a mil. O último longa da saga estrelada por Jennifer Lawrence obteve uma taxa de pontuação em 514, batendo o recorde de maior índice global registrado. Com estreia prevista para 19 de novembro, “Jogos Vorazes: A Esperança - Parte 2” superou “Os Vingadores: A Era de Ultron”, que caiu para a segunda posição com seus 509 pontos.

 

Já o episódio VII da franquia Star Wars, que deve ser lançado em 17 de dezembro, ocupa o terceiro lugar, com um escore de 495. O estudo destaca, no entanto, que os números, de forma separada, mostram que “O Despertar da Força” atingiu uma pontuação mais alta entre o público masculino, somando 533 pontos contra 383 das mulheres. Outros títulos que figuram a lista são “Hotel Transilvânia 2” (313 pontos), “Perdido em Marte” (255 pontos), e “007 Contra Spectre” (282).

 

 


Veja também:


15/12/2017 | 12h34min

» TV: Alice Wegmann e Gabriel Leone gravam cenas de "Onde Nascem os Fortes"

15/12/2017 | 12h24min

» Novela: Marina Moschen será a primeira mulher a cursar a academia militar em "Deus salve o rei"

15/12/2017 | 12h16min

» Novela: "O outro lado do paraíso": Adriana é quem vai defender a mãe, Duda, presa por matar Laerte


Comentários:


Voltar ao topo